terça-feira, 6 de setembro de 2022

FONTE DE PERDÃO E DE PAZ

 A VERDADEIRA FONTE DE PERDÃO E DE PAZ

Por causa do Teu nome, Senhor, perdoa a minha iniquidade, que é grande. Salmo 25:11

Os crentes de Corinto, antes tão propensos a perder de vista seu alto chamado em Cristo, tinham desenvolvido a força do caráter cristão. Suas palavras e seus atos revelavam o poder transformador da graça de Deus, e eles eram agora uma grande força para o bem nesse centro de paganismo e superstição. Junto de seus amados companheiros e desses fiéis conversos, o espírito cansado e abatido do apóstolo encontrou repouso.

Durante sua permanência em Corinto, Paulo teve tempo para pensar em novos e mais vastos campos de trabalho. Sua planejada viagem a Roma ocupava de forma especial seus pensamentos. Ver a fé cristã firmemente estabelecida no grande centro do mundo conhecido naquela época era uma de suas mais preciosas esperanças, um de seus mais acalentados planos. Uma igreja já havia sido estabelecida em Roma, e o apóstolo desejava conseguir a colaboração dos crentes dessa comunidade na obra a ser promovida na Itália e em outros países. Com o objetivo de preparar o caminho para seus trabalhos entre esses irmãos, muitos dos quais ele desconhecia até então, enviou-lhes uma carta, anunciando sua intenção de visitar Roma e sua esperança de fincar a bandeira da cruz na Espanha.

Em sua carta aos romanos, Paulo expôs os grandes princípios do evangelho. Ele declarou sua posição nas questões que estavam perturbando as igrejas judaicas e gentílicas. Além disso, mostrou que as esperanças e promessas que antes haviam pertencido aos judeus eram, agora, oferecidas também aos gentios.

Com grande clareza e poder, o apóstolo apresentou a doutrina da justificação pela fé em Cristo. Ele esperava que outras igrejas também pudessem ser ajudadas pela instrução enviada aos cristãos de Roma; mas não podia prever o vasto alcance da influência de suas palavras! Ao longo dos séculos, a grande verdade da justificação pela fé tem permanecido como um poderoso farol, guiando os pecadores arrependidos ao caminho da vida. Foi essa luz que dissipou as trevas que envolviam a mente de Lutero e lhe revelou o poder do sangue de Cristo para purificar do pecado. A mesma luz tem guiado à verdadeira Fonte de perdão e de paz milhares de vidas sobrecarregadas de pecado (Atos dos Apóstolos, p. 237, 238 [372-374]).

PARA REFLETIR: A verdade da justificação pela fé em Jesus tem levado paz vida?
https://youtu.be/DHm7Hd-2RvI

MEDITAÇÃO DIÁRIA

6 de setembro
https://mais.cpb.com.br/meditacao/a-verdadeira-fonte-de-perdao-e-de-paz/

Nenhum comentário:

JEOVÁ EMANUEL

  MEDITAÇÃO DIÁRIA 30 de setembro https://mais.cpb.com.br/meditacao/jeova-emanuel/ JEOVÁ EMANUEL O Senhor será Rei sobre toda a Terra. Naque...