Translate

quarta-feira, 31 de julho de 2019

A Graça Divina Age– 2 Reis 01

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse
Leitura Bíblica – 2 Reis 01
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


A Graça Divina Age

Iniciando a leitura deste livro avançamos em nosso projeto de reavivamento espiritual através da Palavra de Deus. Nos capítulos subsequentes analisaremos a história sagrada, o agir de Deus e Seu plano, focando a realeza hebraica.

Os livros de Reis abarcam aproximadamente “quatrocentos anos em pouco mais de 50.000 palavras”, conforme relata Charles G. Martin; portanto, muitas informações são extremamente limitadas. O escritor inspirado ocupou-se somente no que realmente importa. Desta forma, aquilo que está revelado é essencialmente relevante!

Na abertura do livro destacam-se os seguintes pontos:

• A velhice chega até ao menino fiel e corajoso que enfrento terríveis gigantes e desafios colossais: Após ter colecionado vitórias Davi estava tão envelhecido que foi preciso arranjar uma moça para aquecê-lo em seu leito gelado (vs. 1-4).

• Quem não busca a Deus, nem Seus planos, buscará oportunidades nas debilidades alheias visando alcançar ambições pessoais: O vaidoso Adonias, irmão de Absalão, acreditou ser ele o sucessor do trono de seu pai; aproveitando a fragilidade de Davi devido à idade avançada, “mexeu os pauzinhos” para sua autocoroação (vs. 5-10).

• Nas grandes vicissitudes mundiais um pequeno remanescente trabalha pelo avanço dos planos divinos: Natã e Bate-Seba comunicaram a Davi aquilo que ninguém havia lhe informado. Adonias, sabendo que estava errado, para a sua coroação não enviara convites ao profeta Natã, a Benaia, à guarda pessoal de Davi, a Salomão, e nem mesmo a Davi (vs. 11-29).

• A frouxidão na educação deverá ser quebrada com rigidez na vida adulta: Davi mimara demasiadamente a Adonias, mas agora precisará ser firme para que as consequências não corrompam os planos de Deus (vs. 30-40).

• O seguinte adágio geralmente revela verdades: “Quem deve, teme”. Adonias sabia que estava errado, portanto, ficou apavorado, morrendo de medo de morrer. Graciosamente, Salomão o acalmou! (vs. 41-53).

Após os eventos negativos na regência de Saul e os desafios enfrentados por Davi no estabelecimento da monarquia israelita, Salomão entra em cena para reinar. (Lembrando que Salomão era filho de Davi com a ex-mulher do falecido Urias: Deus não culpa os filhos pelos erros dos pais). Não sendo nada fácil, somente pela graça divina operando nas desgraças dos pecadores, que prosperou o estabelecimento do trono davídico.

Verdade bíblica: A graça divina age inclusive na desgraça humana!

Portanto, reavivemo-nos! – Heber Toth Armí./Heber Toth Armí /

@palavraeficaz
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz

Firmados na Verdade Presente

A Fé Pela Qual Eu Vivo
31 de julho
Firmados na Verdade Presente
Pelo que não deixarei de exortar-vos sempre acerca destas coisas, ainda que bem as saibais e estejais confirmados na presente verdade. II Ped. 1:12.

Cremos sem nenhuma dúvida que Cristo está para vir em breve. Isto não é uma fábula para nós; é uma realidade. Não temos dúvida, nem por anos temos duvidado uma só vez, de que as doutrinas que hoje mantemos sejam verdade presente, e de que nos estamos aproximando do juízo. Estamos nos preparando para encontrar-nos com Aquele que, acompanhado por uma comitiva de santos anjos, há de aparecer nas nuvens do céu, para dar aos fiéis e justos o toque final da imortalidade. Quando Ele vier, não nos há de purificar de nossos pecados, remover de nós os defeitos que há em nosso caráter, ou curar-nos das fraquezas de nosso gênio e disposição. Se acaso esta obra houver de ser efetuada em nós, sê-lo-á totalmente antes daquela ocasião.

Quando o Senhor vier, os que são santos serão santos ainda. Os que houverem conservado o corpo e o espírito em santidade, em santificação e honra, receberão então o toque final da imortalidade. Mas os que são injustos, não santificados e sujos, assim permanecerão para sempre. Nenhuma obra se fará então por eles para lhes tirar os defeitos, e dar-lhes um caráter santo. Então o Refinador não Se assentará para prosseguir em Seu processo de purificação, e para remover-lhes os pecados e a corrupção. … É agora que esta obra deve ser feita por nós. Testemunhos Seletos, vol. 1, págs. 181 e 182.

Deus está agora experimentando e provando o Seu povo. O caráter está sendo aperfeiçoado. Os anjos estão pesando o valor moral, e mantendo fiel relatório de todos os atos dos filhos dos homens. … Aquele Deus que lê o coração de todos, trará à luz coisas ocultas das trevas onde muitas vezes menos delas se suspeitava, para que aquelas pedras de tropeço que têm prejudicado o progresso da verdade sejam removidas. Testemunhos Seletos, vol. 1, pág. 109.

Não haverá oportunidade futura em que os homens se poderão preparar para a eternidade. Nesta vida é que devemos trajar as vestes da justiça de Cristo. Esta é a nossa única oportunidade de formar caráter para o lar que Cristo preparou para os que obedecem aos Seus mandamentos. Parábolas de Jesus, pág. 319.
Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 218

terça-feira, 30 de julho de 2019

Conclusão do livro 2 Samuel

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse
Leitura Bíblica – 2 Samuel 24
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


Conclusão do livro 2 Samuel

O livro de II Samuel terminou no capítulo 20. Desde o capítulo 21 são apenas apêndices, os quais não deixam de ser inspirados e tão relevantes a nós como qualquer outra porção bíblica.

Concluindo nosso estudo nos livros de Samuel importa destacar esta aplicação expressa por Rosalie Haffner Lee:

“O relato da vida de Davi serve para relembrar-nos que, não importa quão estranha seja a nossa vida, quanto nos afastamos do plano de Deus para nós, ou quão penosas as circunstâncias em que nos encontramos, o amor e a misericórdia de Deus são maiores do que o nosso pecado, e a Sua salvação é mais ampla do que a nossa necessidade”.

Davi fez muitas coisas erradas. Assim como nós, ele não precisava ingressar numa escola de pecado para aprender a praticá-lo; como nós, ele também precisava permitir ser instruído pelo Mestre Divino a fim de amadurecer espiritualmente.

No último capítulo de II Samuel, notam-se os seguintes pontos:

• Primeiro, Deus permitiu que Satanás provasse Davi. Davi cedeu e caiu na sutil armadilha diabólica (v. 1; ver I Crônicas 21:1).

• Segundo, Davi permitiu que Satanás aplicasse orgulho e autoconfiança ao seu coração (vs. 2-9).

• Terceiro, Davi vê a propagação coletiva de seu pecado individual aprendendo que, qualquer pecado, por mais sutil que seja, é extremamente maligno; então, ele reconheceu e confessou sua culpa por ter desviado o povo de Deus com suas atitudes (vs. 10-17).

• Quarto, Deus orientou Davi através de Seu profeta Gade a erigir um altar para sacrificar nele; fazendo isso, cessaria a praga sobre Israel. Em breve, no lugar deste altar, seria erigido um templo ao Senhor (vs. 18-25).

Neste último apêndice, o autor inspirado mostra que, como pecador, Davi pode facilmente ser comparado a nós; e, também revela que Deus é incomparável. O Deus incomparavelmente misericordioso do passado é o mesmo no presente. Só precisamos ser humildes para aprender dEle como Davi aprendeu:

“Cria em mim, ó Deus,
Um coração puro
E renova dentro de mim
Um espírito inabalável.
Não me repulses de tua presença,
Nem me retires o teu Santo Espírito”.

Diante de nossa situação de miseráveis pecadores perante o Deus descrito nas páginas sagradas, seria orgulho e arrogância não fazer da oração de Davi nossa oração. Reavivemo-nos! /Heber Toth Armí /

@palavraeficaz
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz

Ardis de Satanás

A Fé Pela Qual Eu Vivo
30 de julho
Ardis de Satanás


Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar. I Ped. 5:8.
É inseguro confiar nos sentimentos ou nas impressões; são guias indignos de confiança. A lei de Deus é a única norma correta de santidade. Por esta lei é que o caráter deve ser julgado. Se um pesquisador da salvação perguntasse: “Que devo fazer para herdar a vida eterna?” os modernos ensinadores de santificação responderiam: “Crede somente que Jesus vos salva.” Cristo, porém, ao ser-Lhe feita essa pergunta, disse: “Que está escrito na lei? Como lês?” E ao responder o inquiridor: “Amarás ao Senhor teu Deus, de todo o teu coração, … e ao teu próximo como a ti mesmo”, Jesus replicou: “Respondeste bem; faze isso e viverás.” Luc. 10:26-28. Review and Herald, 5 de outubro de 1886.

Nenhum valor existe na mera profissão de fé em Cristo; unicamente o amor que se revela pelas obras é considerado genuíno. Contudo, é unicamente o amor que, à vista do Céu, torna de valor qualquer ato. …

O oculto egoísmo humano permanece manifesto nos livros do Céu. … Triste é o relato que os anjos levam para o Céu. Seres inteligentes, seguidores professos de Cristo, estão absortos na aquisição de posses mundanas ou do gozo de prazeres terrenos. Dinheiro, tempo e força são sacrificados na ostentação e condescendência próprias; poucos, porém, são os momentos dedicados à prece, ao exame das Escrituras, à humilhação da alma e confissão do pecado.

Satanás concebe inumeráveis planos para nos ocupar a mente, para que ela se não detenha no próprio trabalho com que deveremos estar mais bem familiarizados. O arquienganador odeia as grandes verdades que apresentam um sacrifício expiatório e um Todo-poderoso Mediador. Sabe que para ele tudo depende de desviar a mente, de Jesus e de Sua verdade.

Os que desejam participar dos benefícios da mediação do Salvador, não devem permitir que coisa alguma interfira com seu dever de aperfeiçoar a santidade no temor de Deus. O Grande Conflito, págs. 487 e 488.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 217

Fé, reverência, santuário

segunda-feira, 29 de julho de 2019

Os Valentes– 2 Samuel 23

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse
Leitura Bíblica – 2 Samuel 23
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


Os Valentes

Todo grande pecador precisa de um Salvador maior que seus pecados. Mas, para isso, a devoção Àquele que, unicamente, resolve nossa situação oferecendo-nos salvação, deve ser tão real como a realidade de nossas transgressões.

Falando sobre Davi, Paul R. House sintetiza: “Ele peca, mas sempre volta para Yahweh, o que demonstra que no íntimo está comprometido com o Senhor. Davi falha, contudo avança em seguida na direção de Deus. Desse modo, sua devoção é tão real quanto seu pecado”.

Certamente, Davi revela que Deus sempre foi Sua prioridade. Diferentemente de Saul que, quanto mais tempo vivia, mais afastava-se de Deus, as últimas palavras de Davi revelam poeticamente sua exemplar devoção a Deus (vs. 1-7).

House também observa que Davi “em dois poemas ele canta acerca da ajuda divina (22.1-51; 23.1-7), contudo também depende da ajuda de seres humanos inescrupulosos (21.15-22; 23.8-29)”. Após o cântico, o texto apresenta nomes de homens valentes:

• Os três principais e primeiros valentes de Davi são: Josebete-Bassebete, Eleazar, e, Samá. O relato destaca façanhas e proezas destes três valentes que ajudaram, apoiaram e lutaram por Davi (vs. 8-12).

• Além destes três, há outros valentes em destaque: Abisai e Benaia (vs. 13-23).

• Há mais trinta guerreiros citados por nomes (vs. 24-39).

Embora fosse grande pecador, Davi submeteu-se ao grande Salvador. Isso faz toda diferença! Por isso, Davi também foi um grande guerreiro; um grande rei, quem deu início ao ungido trono messiânico; e, um grande profeta, e também sacerdote (Atos 2:30; Salmo 110:4).

Antes de apresentar os valentes, o autor inspirado apresentou o que, na visão de Ellen G. White é “um cântico de confiança, do mais sublime princípio, e fé imortal”. Desta forma, observando o capítulo inteiro, captamos grandes aplicações, importantes aos cristãos do século XXI:

1. Como igreja, precisamos ser dependentes de Deus, contudo, importa usar nossas forças e habilidades para derrotar as portas do inferno que obstaculizam o caminho ao céu.

2. O texto inspirado visa inspirar a sermos crentes corajosos, ousados e habilidosos ao avançar enfrentando oposições no engajamento dos planos divinos.

3. Todo membro da igreja cristã deve unir suas forças para que o reino de Deus avance sobre o reino das trevas.

Reflita: Se priorizarmos Deus em nossa vida, faremos proezas!–/Heber Toth Armí /

@palavraeficaz
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz

Os Santos Julgarão o Mundo

A Fé Pela Qual Eu Vivo
29 de julho
Os Santos Julgarão o Mundo


Portanto, nada julgueis antes do tempo, até que venha o Senhor, o qual não somente trará à plena luz as coisas ocultas das trevas, mas também manifestará os desígnios dos corações; e, então, cada um receberá o seu louvor da parte de Deus. I Cor. 4:5.

Durante os mil anos entre a primeira e a segunda ressurreições, ocorre o julgamento dos ímpios. O apóstolo Paulo indica este juízo como um acontecimento a seguir-se ao segundo advento. “Nada julgueis antes de tempo, até que o Senhor venha, o qual também trará à luz as coisas ocultas das trevas, e manifestará os desígnios dos corações.” I Cor. 4:5. Daniel declara que quando veio o Ancião de Dias, “foi dado o juízo aos santos do Altíssimo”. Dan. 7:22. Nesse tempo os justos reinam como reis e sacerdotes de Deus. João, no Apocalipse, diz: “Vi tronos; e assentaram-se sobre eles, e foi-lhes dado o poder de julgar.” “Serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com Ele mil anos.” Apoc. 20:4 e 6. É nesse tempo que, conforme foi predito por Paulo, “os santos hão de julgar o mundo”. I Cor. 6:2. Em união com Cristo julgam os ímpios, comparando seus atos com o código – a Escritura Sagrada, e decidindo cada caso segundo as ações praticadas no corpo. Então é determinada a parte que os ímpios devem sofrer, segundo suas obras; e registrada em frente ao seu nome, no livro da morte. O Grande Conflito, págs. 660 e 661.

Não ouviremos contra nós a acusação de pecados de grande significado que tenhamos cometido, porém a acusação será pela negligência dos nobres e piedosos deveres que nos foram ordenados pelo Deus de amor. Serão apontadas as deficiências do nosso caráter. Ficar-se-á então sabendo que todos os que são desta forma condenados tiveram luz e conhecimento; foram-lhes confiados os talentos de seu Senhor, e foram achados infiéis a essa comissão. The Youth’s Instructor, 8 de junho de 1893.

Igualmente Satanás e os anjos maus são julgados por Cristo e Seu povo. Diz Paulo: “Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos?” I Cor. 6:3. O Grande Conflito, pág. 661.

Quando o Juiz de toda a Terra perguntar a Satanás: “Por que te rebelaste contra Mim, e Me roubaste os súditos de Meu reino?”, o originador do mal não poderá apresentar resposta alguma. Toda boca se fechará e todas as hostes rebeldes estarão mudas. O Grande Conflito, pág. 503.
Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 216

domingo, 28 de julho de 2019

Reflexões– 2 Samuel 22

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse
Leitura Bíblica – 2 Samuel 22
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


Reflexões

Nas palavras de Kay Arthur, este capítulo “está repleto de reflexões maravilhosas sobre Deus e o que significa tê-lO como seu Deus. Queremos que leia este capítulo aos pedacinhos para ter tempo suficiente de meditar em seus magníficos preceitos para a vida”.

Arthur concluiu que, “observar essas reflexões ministrará ao seu coração”. Então, ele sugeriu: “Quando terminar, fale com Deus sobre o que aprendeu a respeito dEle. Peça-Lhe que mostre como essas verdades podem ser realizadas em sua vida e em seguida passe algum tempo adorando-O e agradecendo pelo que Ele é”.

Mergulhemos profundamente no texto bíblico:

• Primariamente, esse Salmo se aplica a Davi: O segundo rei de Israel estava a salvo de seus inimigos; seu reino estava unido e estabilizado; Deus havia proporcionado grandes bênçãos em sua vida e ministério. Tudo isso era razão de abrir o coração e elevar louvores e adoração ao Deus todo-poderoso e todo-misericordioso.

• Em segundo lugar, esse Salmo possui ênfase messiânica: Reiterado no Salmo 18, as palavras poéticas proferidas por Davi tornaram-se relevantes pela autoridade do Espírito Santo; também reiteradas no Novo Testamento: Hebreus 2:13; e, Romanos 15:9.

• Finalmente, esse Salmo tem um aspecto profético: Há nele citações que apontam para o futuro, quando o Messias, em Sua segunda vinda, destruirá Seus inimigos e estabelecerá Seu reino eterno.

Esse Salmo inspirado pelo Espírito Santo é magnífico, profundo e impactante. O teólogo Paul R. House declarou que neste Salmo “Davi entende que os grandes atos de Deus a seu favor merecem louvor devido ao caráter de Yahweh. Assim, o cântico de confissão encontrado em 2Samuel 22:1-51 ressalta a importância da adoração na vida de Davi”.

Preste atenção nestas aplicações:

• Quem tem a Deus como o primeiro em Sua vida sabe por experiência que é Ele Quem salva, protege e sustenta. Neste mundo inseguro, só nEle há verdadeiro refúgio (vs. 1-3).

• Orar, clamar e suplicar ao Senhor nunca será em vão àquele que depende totalmente dEle até nas horas críticas da existência (vs. 4-29).

• Deus age capacitando-nos para enfrentar as vicissitudes deste mundo (vs. 30-46).

• Precisamos adorar a Deus por prometer vitórias sobre todo sofrimento através do Messias, nosso soberano Salvador Jesus (vs. 47-51).

Tudo que temos e somos devemos a Deus! Rendemos-Lhe constantes louvores! Ele merece! –/Heber Toth Armí /
@palavraeficaz
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz

Quando se Fecha o Tempo da Graça

A Fé Pela Qual Eu Vivo
28 de julho
Quando se Fecha o Tempo da Graça


Quem é injusto faça injustiça ainda; e quem está sujo suje-se ainda; e quem é justo faça justiça ainda; e quem é santo seja santificado ainda. Apoc. 22:11.
Deus não nos revelou o tempo em que esta mensagem [a do terceiro anjo] será concluída, ou quando terá fim o tempo de graça. … Têm-me chegado cartas perguntando se tenho qualquer esclarecimento especial quanto ao tempo da terminação do tempo de graça; e respondo que tenho apenas esta mensagem a dar; que agora é tempo de trabalhar, enquanto é dia, pois a noite vem, quando ninguém pode trabalhar. Mensagens Escolhidas, vol. 1, pág. 191.

Quando Jesus Se levantar no santíssimo, e tirar Suas vestes de Mediador, revestindo-Se dos vestidos da vingança em lugar dos trajes sacerdotais, estará concluída a obra em prol dos pecadores. Testemunhos Seletos, vol. 1, pág. 285.

Ter-se-á então decidido o caso de toda alma, e não haverá sangue expiatório para purificar do pecado. … Então o Espírito repressor de Deus é retirado da Terra. Patriarcas e Profetas, pág. 201.

Naquele tempo terrível os justos devem viver à vista de um Deus santo, sem intercessor. Removeu-se a restrição que estivera sobre os ímpios, e Satanás tem domínio completo sobre os que finalmente se encontram impenitentes. … Satanás mergulhará então os habitantes da Terra em uma grande angústia final. Ao cessarem os anjos de Deus de conter os ventos impetuosos das paixões humanas, ficarão às soltas todos os elementos de contenda. O mundo inteiro se envolverá em ruína mais terrível do que a que sobreveio a Jerusalém na antiguidade. O Grande Conflito, pág. 614.

Não temos nenhum tempo a perder. Não sabemos quão cedo pode encerrar-se o tempo da graça. … Cristo está para vir logo. Testimonies, vol. 8, pág. 314.

Ao encerrar-se o tempo da graça, isso ocorrerá súbita e inesperadamente, em um tempo em que menos estamos esperando. Hoje, porém, podemos ter um registro puro no Céu, e saber que Deus nos aceita; e finalmente, se formos fiéis, estaremos reunidos no reino do Céu. SDA Bible Commentary, vol. 7, pág. 989.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 215

sábado, 27 de julho de 2019

Vencendo gigantes– 2 Samuel 21

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse
Leitura Bíblica – 2 Samuel 21
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


Vencendo gigantes

Lendo este capítulo estamos quase concluindo nossa reflexão no segundo livro de Samuel. Visualizando o conteúdo inspirado desde o primeiro livro da Bíblia, é fácil perceber que...

• Desde quando Satanás penetrou nosso planeta, a história mundial foi marcada por grande conflito entre o bem e o mal, o qual é bem percebido pelo povo de Deus.

Sendo privilegiados com a Palavra de Deus acessível a nós, podemos conhecer o caminho do bem para, então, desviarmos das avenidas do mal que tem o inferno como destino.

A Bíblia é um livro diferente, incomparável, com temas sublimes. Ela foi escrita por homens, mas sobrenaturalmente inspirada pelo Espírito Santo. Analisando os capítulos 21 a 24 do livro bíblico em apreço, onde está revelado o final do reinado de Davi, o Comentário Bíblico Africano destaca:

“Estes capítulos estão organizados de acordo com um requintado plano literário: dois relatos de pragas, um no começo e outro no final (21:1-14; 24:1-25), duas listas (21:15-22; 23:8-39) e, no meio, duas canções (22:1-51; 23:1-7)”.

Precisamente no capítulo em foco, destacam-se estes pontos:

1. A falha de Saul e as consequências de um voto desrespeitado; e, o evidente o amor de Rispa como mãe. Desta forma, a literatura bíblica evidencia as consequências das más atitudes, mas também exalta o exuberante amor de uma mãe (vs. 1-14).

2. Os pequenos podem vencer gigantes no poder de Deus. O menor alcança vitória sobre o menor quando existe confiança no Senhor. A literatura bíblica não esconde a força do mal; contudo, revela também a vitória dos débeis que dependem dEle (vs. 15-22).

O texto bíblico não despreza, nem humilha ou desvaloriza a figura feminina. O texto inspirado revela características sobressalientes e relevantes das mulheres na sociedade:

• A sabedoria da mulher vale mais que a força de milhares de homens; o que seria do mundo sem o toque feminino? (sobre essa verdade, confira II Samuel 19).

• O papel da mãe é importante para todo homem, e, o amor da mãe, que é incomparável, é essencial e vital em toda cultura, povo e nação.

Reflita: Alimentar preconceito à Bíblia é obstáculo à sua interpretação. A superficialidade e falta de familiaridade com Seu Autor são barreiras que inviabilizam a valorização do Livro mais importante do mundo!/Heber Toth Armí /

@palavraeficaz
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz

O Tempo Está Chegando ao Fim

A Fé Pela Qual Eu Vivo
27 de julho
O Tempo Está Chegando ao Fim

Remindo o tempo, porquanto os dias são maus. Efés. 5:16.


Na manhã de 23 de outubro de 1879, por volta das duas horas, o Espírito do Senhor repousou sobre mim, e vi cenas do juízo vindouro. …

Parecia haver chegado o grande dia da execução do juízo de Deus. Milhões achavam-se reunidos diante de um grande trono, sobre o qual estava sentada uma pessoa de aparência majestosa. Vários livros achavam-se diante dEle, e na capa de cada um estava escrito em letras de ouro, que pareciam como chama ardente: “Contas-correntes do Céu.” Foi então aberto um desses livros, contendo os nomes dos que professam crer na verdade. … Ao serem nomeadas essas pessoas, uma a uma, e mencionadas suas boas ações, sua fisionomia iluminava-se de santa alegria que se refletia em todas as direções. …

Abriu-se outro livro, no qual se achavam registrados os pecados dos que professam a verdade. Sob o cabeçalho geral de egoísmo, vinha uma legião de pecados. …

À medida que o Santo que estava sobre o trono ia virando lentamente as folhas do Contas-correntes e Seus olhos pousavam momentaneamente sobre os indivíduos, esse olhar parecia queimar-lhes até ao íntimo da alma, e no mesmo instante cada palavra e ação de sua vida passava-lhe diante da mente, clara como se fosse traçada ante seus olhos com letras de fogo. …

Uma classe estava registrada como empecilhos do terreno. … Essa classe dera ao próprio eu o supremo lugar, trabalhando apenas pelo interesse egoísta. …

Foi então feita a pergunta: “Por que não lavastes vossos vestidos de caráter, e os branqueastes no sangue do Cordeiro? … Não quisestes ser participantes de Seus sofrimentos, e agora não podeis partilhar com Ele de Sua glória.” … Fechou-se então o livro, e caiu o manto da pessoa que estava no trono, revelando a terrível glória do Filho de Deus.

A cena dissipou-se, e encontrei-me ainda na Terra, inexprimivelmente grata por que o dia de Deus ainda não tivesse vindo, e o precioso tempo da graça ainda nos fosse concedido, de modo a nos prepararmos para a eternidade. Testemunhos Seletos, vol. 1, págs. 518-522.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 214

sexta-feira, 26 de julho de 2019

Deus intervém– 2 Samuel 20

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse
Leitura Bíblica – 2 Samuel 20
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


Deus intervém na história da Terra

O sofrimento intenso de Davi registrado na Bíblia tem muitos objetivos, um deles é ajudar-nos a evitar o sofrimento causado pelo pecado. Temos de seguir seu exemplo positivo, porém fugir de suas atitudes negativas.

“Durante praticamente uma década do reinado de Davi as solenes palavras proferidas por Natã se cumpriram realisticamente. Começando pela imoralidade de Amnom, e prosseguindo até a supressão da rebelião de Seba, o mal foi fomentado na própria casa de Davi” destaca Samuel J. Schultz.

Veja a síntese deste capítulo, conforme Matthew Henry esboçou:

1. Antes que Davi chegasse a Jerusalém, uma nova rebelião é levantada por Seba (vs. 1-2).

2. Sua primeira obra, quando veio a Jerusalém, é condenar suas concubinas à prisão perpétua (v. 3).

3. Amasa, a quem confia a missão de levantar um exército contra Seba, é lento demais em suas ações, o que o atemoriza (vs. 4-6).

4. Um dos seus generais o assassina barbaramente, quando estavam no campo de batalha (vs. 7-13).

5. Seba finalmente está preso na cidade de Abel (vs. 14-15), mas os cidadãos o entregam a Joabe, assim a sua rebelião é esmagada (vs. 16-22).

6. O capítulo conclui com um breve relato dos grandes oficiais de Davi (vs. 23-26).

O grande conflito teve início no Céu, e, ao Satanás ser expulso de lá veio para a Terra. O conflito continuou desde que Adão e Eva cederam espaço ao pecado. Desde então houve guerras, desavenças, vinganças, rebelião, separação, contendas, assassinato, tragédias, etc.

Prossiga atentamente...

• Pessoas que lideram ao povo de Deus no cumprimento dos propósitos divinos neste mundo enfrentarão fortes oposições, lidarão com sérias rebeliões e, encararão tremendas conspirações (vs. 1-3);

• Dentre o povo de Deus sempre alguém levantará a bandeira do Céu, enfrentará ao mal, e porá o exército de Belial, os filhos do diabo, para correr (vs. 4-13);

• Deus, lá do Céu, intervém na história aqui da Terra, administrando toda situação a fim de que o mal não vença ao bem (vs. 14-22);

• Deus tem um exército de combatentes de gigantes do mal neste mundo (vs. 22-25).

Fuja do pecado para não perder tuas forças contra as fortes investidas do mal. Aprenda das falhas de Davi; mas, principalmente da sua postura frente aos inimigos dos planos divinos!– /Heber Toth Armí /

Um Julgamento Anterior

A Fé Pela Qual Eu Vivo
26 de julho
Um Julgamento Anterior


Os pecados de alguns homens são manifestos, precedendo o juízo; e em alguns manifestam-se depois. I Tim. 5:24.

A obra do juízo investigativo e extinção dos pecados deve efetuar-se antes do segundo advento do Senhor. Visto que os mortos são julgados pelas coisas escritas nos livros, é impossível que os pecados dos homens sejam cancelados antes de concluído o juízo em que seu caso deve ser investigado. … Quando se encerrar o juízo investigativo, Cristo virá, e Seu galardão estará com Ele para dar a cada um segundo for a sua obra. O Grande Conflito, pág. 485.

Todos serão julgados de acordo com as coisas escritas nos livros, e recompensados conforme tiverem sido as suas obras. Este juízo não ocorre por ocasião da morte. O Grande Conflito, pág. 548.

No culto típico, o sumo sacerdote, havendo feito expiação por Israel, saía e abençoava a congregação. Assim Cristo, no final de Sua obra de mediador, aparecerá “sem pecado, … para salvação” (Heb. 9:28), a fim de abençoar com a vida eterna Seu povo que O espera. Como o sacerdote, ao remover do santuário os pecados, confessava-os sobre a cabeça do bode emissário, semelhantemente Cristo porá todos esses pecados sobre Satanás, o originador e instigador do pecado. O bode emissário, levando os pecados de Israel, era enviado “à terra solitária” (Lev. 16:22); de igual modo Satanás, levando a culpa de todos os pecados que induziu o povo de Deus a cometer, estará durante mil anos circunscrito à Terra, que então se achará desolada, sem moradores, e ele sofrerá finalmente a pena completa do pecado nos fogos que destruirão todos os ímpios. O Grande Conflito, págs. 485 e 486.

Poucos, sim, somente poucos do imenso número dos que povoam a Terra serão salvos para a vida eterna, ao passo que às multidões que não aperfeiçoaram o caráter na obediência da verdade serão destinadas à segunda morte. Testimonies, vol. 2, págs. 401 e 402.

Cristo … não despreza ninguém. Ele, que não pôde ver seres humanos sujeitos à ruína eterna sem entregar Sua vida à morte por eles, contemplará com piedade e compaixão todo aquele que reconhece não poder salvar-se a si próprio. Parábolas de Jesus, pág. 157.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 213

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis