Translate

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Elias– 1 Reis 17

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse
Leitura Bíblica – 1 Reis 17
Comentário: Pr.  Heber Toth Armí 

Elias

De repente ele aparece. Do nada entra no palácio do pomposo rei. Da terra de ninguém, desconhecido, com vestes simples, sem saudar ou dar honras, olha firmemente ao rei e emite retumbantes palavras:

“Assim como vive o Eterno, o Deus de Israel, a quem sirvo, nos próximos anos haverá uma severa seca no país. Não cairá uma gota de orvalho ou uma gota de chuva enquanto eu não ordenar”.

Tá doido! Quem é esse maluco? – Muitos da corte devem ter questionado ao olharem para Elias já de saída, com postura anunciando que sua missão estava cumprida, a sentença dada, e, agora é só ver pra crer...

Neste ano li dois livros extraídos da biografia de Elias:

• Elias: Um modelo de coragem e fé, do professor de teologia Gene Getz, com 216 páginas.

• Elias: Um homem de heroísmo e humildade, de Charles R. Swindoll, pastor e presidente do Seminário Teológico de Dallas, com 201 páginas.

Muitos livros foram escritos sobre esse homem que impactou o reino de Acabe e da rainha Jezabel. Muitas coisas poderiam ser ditas sobre o capítulo em questão; contudo, destacaremos apenas alguns pontos:

• O Deus vivo e verdadeiro é soberano sobre todos os homens, sobre todos os deuses e sobre todas as hostes demoníacas que intentam solapar Seu povo.

• O Deus da Bíblia é o Criador do Céu e da Terra, portanto, Ele pode controlar os fenômenos da natureza tão facilmente como criou as inúmeras leis naturais.

• O Deus de Elias faz parar a chuva quando quer (v. 1), sustenta Seus servos como quiser em épocas de crises (vs. 2-7), multiplica azeite e farinha inexplicavelmente até para pessoas pagãs, idólatras (vs. 8-16) e ainda ressuscita mortos em territórios totalmente pagãos (vs. 17-24).

• A razão de Deus racionar a chuva e agir bondosa e miraculosamente com a viúva de Sarepta é atrair tanto Seu povo como pagãos à verdadeira adoração a Ele, o único Deus verdadeiro.

• Acabe de Israel e Jezabel da Fenícia instituíram cultos a Baal entre o povo de Deus, erradicando assim o testemunho do verdadeiro Deus às nações; Deus, então, entra em cena e revela Sua existência e caráter.

• Deus entra para vencer!

Deus quer impactar o mundo e quer usar-nos como fez com Elias! Permitiremos? Heber Toth Armí /

@palavraeficaz
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz

Amizade com Amigos de Cristo

A Fé Pela Qual Eu Vivo
16 de agosto 
Amizade com Amigos de Cristo

Companheiro sou de todos os que te Temem e dos que guardam os Teus preceitos. Sal. 119:63.

É natural buscar companheirismo. Todos encontrarão companheiros ou os farão. E exatamente na medida da força da amizade, será o grau de influência exercida pelos amigos uns nos outros, para bem ou para mal. Testemunhos Seletos, vol. 1, pág. 585.

Os jovens que se votam ao convívio um do outro, podem tornar o mesmo uma bênção ou maldição. Podem edificar, fortalecer, beneficiar um ao outro, aperfeiçoando-se na conduta, na disposição, no conhecimento; ou, permitindo-se atitudes descuidadas e infiéis, exercer unicamente uma influência desmoralizadora. Mensagens aos Jovens, págs. 454 e 455.

É levando os seguidores de Cristo a associar-se com os ímpios e unir-se às suas diversões que Satanás é mais bem-sucedido ao induzi-los ao pecado. … Os seguidores de Cristo devem separar-se dos pecadores, procurando sua companhia apenas quando há oportunidade de fazer-lhes bem. Nunca seríamos demasiado decididos em evitar a companhia daqueles que exercem influência para desviar-nos de Deus. Ao mesmo tempo em que oramos: “Não nos deixes cair em tentação” (Mat. 6:13), devemos excluir a tentação tanto quanto possível. Patriarcas e Profetas, págs. 458 e 459.

Pela escolha de maus companheiros, muitos têm sido passo a passo desviados do caminho da virtude aos abismos da desobediência e do desregramento em que, outrora, haveriam julgado impossível imergir. Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes, pág. 224.

Podemos recusar ser corrompidos, colocando-nos onde as más companhias não pervertam nosso coração. Individualmente devem os jovens procurar unir-se aos que, com passos seguros, estejam trabalhando em direção ascendente. Mensagens aos Jovens, pág. 423.

Melhor do que a companhia do mundo é a dos redimidos de Cristo. Parábolas de Jesus, pág. 374.

O calor da verdadeira amizade, o amor que liga coração a coração, é um antegozo das alegrias do Céu. A Ciência do Bom Viver, pág. 360.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 234

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Sincretismo Religioso

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse 
Leitura Bíblica – 1 Reis 16
Comentário: Pr. Heber Toth Armí 

Sincretismo Religioso

Satanás lutou pelo trono divino; mas, perdeu tudo, inclusive seu espaço no Céu. Agora quer os tronos dos homens. Pior ainda é que ele penetrou nos tronos dos reinos de Israel através de muitos de seus reis, os quais deveriam ter sido grandes e piedosos homens de Deus.

Sobre o capítulo em foco, temos os seguintes tópicos:

• Profecia de Jeú contra Baasa, por andar nos caminhos perversos de Jeroboão, e por ter-lhe destruído (vs. 1-4);
• Morte de Baasa (vs. 5-7);
• Reinado do devasso e bêbado Elá, filho de Baasa (vs. 8-14);
• Golpe de estado e morte de Zimri; morreu queimado por si mesmo num castelo (vs. 15-20);
• Reinado de Onri, o qual fundou Samaria, mas pecou mais que seus antecessores (vs. 21-28);
• Ascensão de Acabe com sua esposa que era a maldade em pessoa (vs. 29-34).

Diz Paul R. House que “à medida que 1 e 2 Reis se desenrola, o sincretismo de Jeroboão é constantemente relacionado, de uma forma quase irremediável, como uma condenação canônica do afastamento da fé pactual por parte de reis posteriores (v. 1Rs 25.34; 16:2,3,7,19,26,31,52; 2Rs 3.3; 9.9). Essa aberrante prática religiosa nacional leva Israel à destruição final pela Assíria, de acordo com 2Reis 17.19-23)”.

Deus intentou ardentemente salvar Israel desse sincretismo religioso. Por andar nos caminhos de Jeroboão e induzir Israel à prostituição religiosa, Baasa recebeu a visita do profeta, o qual profetizou exterminação a toda Sua família.

Injustos executaram justiça. Contudo, os executores da justiça divina e das profecias não ficaram livres de culpa. Suas corrupções foram contabilizadas como pecados perante Deus. Ainda que Baasa cumprisse a profecia de Abias, sua ambição e assassinato fez com que Zimri cumprisse a profecia de Jeú contra ele.

• A coisa estava piorando, a espiritualidade de Israel estava despencando rapidamente.
• E nossa sociedade, como está? E, a espiritualidade de nossa igreja, está boa?
• O que falta para nosso mundo, país, cidade e igreja?
• O que vais fazer para promover o reino de Deus?

Amigo(a) não confie na razão, nem nos sentimentos ou nas fortes paixões, os tais promovem injustiças, corrução. Como bem declarou Blaise Pascal, “o coração tem razões que a razão desconhece”. Portanto, nossa razão deve ser regida pela justiça divina para dominar sentimentos e desejos corrompidos...

Reavivemo-nos! Heber Toth Armí /

@palavraeficaz
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis