quarta-feira, 19 de julho de 2023

Salmos 74 Comentário

  Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Salmos 74
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


SALMO 74 – Atribuído à família de Asafe, esse Salmo é caracterizado como de lamentação, pois expressa profunda tristeza e angústia diante da destruição do templo e da cidade de Jerusalém.

Este Salmo revela o contexto durante o período de grande crise e destruição, provavelmente após a invasão babilônica em Jerusalém no ano 586 a.C. que atingiu ao templo e à cidade; produzindo angústia diante da devastação e do exílio do povo de Deus.

A invasão babilônica trouxe grande sofrimento ao povo. Com a destruição da cidade e o templo incendiado, houveram mortes, exílio e perda da identidade nacional e religiosa. O Salmo reflete a dor e a perplexidade do salmista diante dessa situação.

Contudo, o salmista expressa sua tristeza; todavia, busca conforto e orientação de Deus em meio à aflição. É certo que a destruição do templo e da cidade trouxe uma crise de fé, que questiona por que Deus permitiu tal tragédia e implora por Sua intervenção. Acima de tudo, o Salmo 74 revela a confiança do crente na fidelidade e no poder de Deus para salvar e restaurar.

O Salmo 74, também reflete a teologia do Deus que ouve e responde orações de Seu povo, sendo capaz de realizar ações poderosas de salvação e restauração. O salmista lembra as obras divinas no passado, como a criação do mundo e a libertação do Egito, buscando fortalecer sua fé e confiança em Deus em meio às adversidades (Salmo 74:12-17). Assim, o salmo transmite a mensagem de que, mesmo em momentos de aparente abandono, Deus é o soberano sobre todas as coisas e Seu plano de redenção se cumprirá.

O Salmo reflete o período do reino de Judá, quando a nação estava sob o domínio estrangeiro da Babilônia. Assim, o salmista expressa sua lamentação diante da opressão política e anseia pela libertação e restauração da soberania nacional.

A invasão babilônica trouxe grande sofrimento econômico para Israel, a qual levou à perda de riquezas, propriedades e recursos. Consequentemente,, o Salmo reflete as experiências humanas universais de tristeza, perda, desespero e busca por consolo. Assim, este Salmo aborda questões como a existência do mal, da justiça divina e propósito da vida cuja esperança está unicamente em Deus (Salmo 74:18-32).

Em Deus, há abrangente possibilidade de restauração! Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
•••••

Nenhum comentário:

O poder da informação

  Devocional Diário O poder da informação Que eles deem graças ao Senhor por Sua bondade e por Suas maravilhas para com os filhos dos homens...