quarta-feira, 31 de maio de 2023

ELLEN G. WHITE EM VISÃO

 MEDITAÇÃO DIÁRIA

31 de maio

ELLEN G. WHITE EM VISÃO

Ouçam, agora, as Minhas palavras: se entre vocês há um profeta, Eu, o Senhor, em visão Me faço conhecer. Números 12:6

Nos arquivos da igreja, nos Estados Unidos, existem muitos documentos escritos e assinados por testemunhas que presenciaram o que se passava quando Ellen G. White estava em visão. Reunindo essas observações, seu neto Arthur L. White resumiu o que costumava acontecer. Imediatamente antes de uma visão, havia um profundo sentimento da presença de Deus, tanto por parte dela como das pessoas presentes. Ao começar a visão, ela exclamava: “Glória!” ou “Glória a Deus!”, o que era por vezes repetido. Logo havia perda de forças físicas e, minutos depois, ela recebia uma força sobrenatural. Certa vez, em 1845, segurou com o braço esticado, durante meia hora, uma Bíblia que pesava 8,5 quilos.

Não havia respiração, embora o coração continuasse a pulsar normalmente. Em 1854, Ellen foi examinada por dois médicos que colocaram próximo à sua face um espelho e, depois, uma vela acesa. O espelho não embaçou, e a chama da vela não tremulou, constatando que ela não respirava. Em 1857, um homem incrédulo quanto às suas visões presenciava sua pregação quando, de repente, Deus a tomou em visão. Pedindo permissão a Tiago White, seu esposo, tentou fazer por si mesmo uma experiência. Tapou o nariz e a boca de Ellen por dez minutos, e nada ocorreu. Depois disso, ele passou a crer.

Seus olhos estavam abertos, não com o olhar vago, mas como se ela observasse atentamente alguma coisa. A posição de seu corpo podia variar. Por vezes, ela estava sentada; em outras, reclinada; algumas vezes, ela andava pelo aposento e fazia gestos graciosos enquanto proferia palavras soltas ou frases a respeito dos assuntos em visão. Enquanto isso, ela estava inconsciente do que se passava ao redor. Ela não via, ouvia, sentia nem percebia os arredores imediatos nem os acontecimentos.

No encerramento da visão havia uma profunda inalação, seguida de outra, um minuto depois. Logo ela voltava a respirar normalmente. Imediatamente depois da visão, tudo lhe parecia demasiado escuro, mas, depois de pouco tempo, ela readquiria a força e as faculdades naturais e parecia ter melhor saúde.

O convite que o Senhor nos faz hoje é: “Ouçam, agora, as Minhas palavras.”
https://youtu.be/xfLjMQ11ykg

https://mais.cpb.com.br/meditacao/ellen-g-white-em-visao/

Nenhum comentário:

Legendas

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 13 de junho https://mais.cpb.com.br/meditacao/legendas/ Legendas Ai de vocês, escribas e faris...