sexta-feira, 3 de novembro de 2023

Provérbios 31 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Provérbios 31
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


PROVÉRBIOS 31 – Além do apêndice em Provérbios 30, contendo ditos de Agur, temos também outro apêndice, contendo os ditos de uma mulher ao seu filho Lemuel que reinava em Massá, uma região árabe.

Tanto Agur, quanto a mãe do rei Lemuel foram influenciados pela sabedoria divina provavelmente por meio de Salomão. A influência da mãe levou Lemuel a compartilhar o que aprendeu, cujo conteúdo veio a tornar-se um capítulo da Palavra de Deus. A influência dessa mãe é uma representação poderosa do papel das mães na sociedade e também de como a sabedoria pode impactar não apenas a família no presente, mas também futuras gerações.

Essa mãe sábia não apenas aconselhou ao filho sobre questões práticas, como a evitar o vinho e a luxúria, mas também o orientou sobre a importância de defender os fracos e os necessitados, bem como a valorizar a mulher virtuosa (Provérbios 31:1-31). Embora escritas por Lemuel, as palavras deste capítulo bíblico são oriundas de uma mulher inspirada por Deus apresentando uma sabedoria multifacetada:

• Essas lições não são apenas lições valiosas para a vida do contexto de Lemuel, são princípios atemporais que continuam a ressoar nas mentes e corações das pessoas ao longo dos séculos.

• O fato de que as palavras de sabedoria do rei Lemuel terem sido registradas na Bíblia revela a importância da influência materna na formação de princípios éticos e morais em uma sociedade.

• É certo que as mães devem desempenhar um papel fundamental na transmissão de valores, crenças e tradições aos seus filhos. Essa mãe de Provérbios 31, não apenas ensinou seu filho sobre como viver uma vida virtuosa, mas também o inspirou a compartilhar esses ensinamentos com outras pessoas, o que resultou na inclusão de suas palavras nas páginas das Escrituras Sagradas.

• As palavras da mãe de Lemuel na Bíblia destacam a importância da voz das mulheres na história e na religião. As experiências, sabedoria e perspectivas das mulheres são inestimáveis e devem ser valorizadas e respeitadas.

O capítulo que encerra o livro de Provérbios conclui com um poema acróstico à mulher virtuosa. “Contrariando os críticos que alegam ter a Bíblia uma visão pejorativa das mulheres, essa descrição é altamente exaltadora, pois concebe a mulher desempenhando muitos papéis econômicos na família”, diz Merril Unger.

Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.
••••

Nenhum comentário:

Mais que marionetes

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 20 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/mais-que-marionetes/ Mais que marionetes Você fal...