terça-feira, 17 de outubro de 2023

GRAVAÇÕES

 MEDITAÇÃO DIÁRIA 

17 de outubro

GRAVAÇÕES

Quando, pois, os gentios, que não têm lei, fazem, por natureza, o que a lei ordena, [...] mostram a obra da lei gravada no seu coração. Romanos 2:14, 15

Quando nasce um bebê, é costume compará-lo a um livro em branco cujas páginas serão preenchidas conforme as escolhas que ele fizer e as ações que praticar ao longo da vida. Mas isso não é correto. A melhor comparação é com um computador. Quando você compra um computador, embora a maior parte do espaço para memória esteja disponível, ele vem de fábrica com uma série de informações registradas. Assim é conosco. Quando nascemos, há muita coisa gravada em nosso cérebro.

A gravação mais antiga e profunda foi feita por Deus quando Ele formou Adão, nosso pai. Em seu cérebro foram gravados os princípios da lei divina. Essa gravação era totalmente boa, perfeita e tinha em vista sua felicidade. Algum tempo depois, quando ele escolheu pecar, cedeu espaço para que o inimigo de Deus fizesse outra gravação, a do mal. A nova gravação não apagou a primeira, mas a danificou parcialmente.

As duas gravações – a do bem e a do mal – são transmitidas hereditariamente. Elas vieram embutidas em todos nós quando nascemos. Há, ainda, outras gravações. Nossos antepassados, por suas escolhas, práticas e seus hábitos também fizeram em si mesmos algumas gravações. Quanto mais repetiam uma ação boa ou má, mais ela se fixava neles. E elas nos foram transmitidas, também por hereditariedade.

Assim, há pessoas que têm fortes e boas predisposições para alguma forma de arte, para alguma habilidade específica, para fazer o bem ao próximo, enquanto outras receberam por herança fortes tendências para o mal. Em algumas dessas, há poderosas forças internas que as impelem para determinado vício ou atitudes destrutivas.

Hoje continuamos a fazer as nossas próprias gravações. Elas não vão afetar apenas a nós, mas também nossos descendentes, especialmente até a terceira e quarta geração. Portanto, quando temos que decidir, além das influências externas do Espírito de Deus e dos anjos bons e maus, há programações prévias em nossa mente que nos influenciam. O que faremos? Como vamos proceder? O Espírito de Deus está disponível para nos iluminar e fortalecer. Vamos ouvir a Sua voz e seguir o caminho que Ele nos apontar.

https://youtu.be/lYn4VBdZllg

Nenhum comentário:

Jovens a serviço

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 18 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/jovens-a-servico/ Jovens a serviço Expondo estas ...