sexta-feira, 1 de setembro de 2023

Salmos 118 Comentário:

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Salmos 118

Comentário: Pr. Heber Toth Armí

SALMO 118 – Conforme a Bíblia Andrews comenta, “aqueles que experimentam a bondade e o amor (misericórdia) de Deus devem expressar gratidão. Conhecer o caráter verdadeiro do Senhor leva ao agradecimento”. A partir desta premissa, precisamos refletir:

• Em qual nível de gratidão estamos para com Deus?
• Será que nossa gratidão superficial advém de um conhecimento superficial de Deus?
• Ou será que não somos gratos o suficiente porque nossa percepção do caráter de Deus está corrompido, deturpado e adulterado?
• Nosso termômetro da gratidão não deveria levar-nos a rever se conhecemos o verdadeiro caráter divino?

O Salmo não é conhecido por Deus expressar ira, raiva, indignação, furor e juízos punitivos; ao contrário, sua relevância está no fato dele expressar gratidão a Deus por Sua bondade, misericórdia e salvação.

As palavras sagradas do Salmo nos chamam a...

• ...Reconhecer a bondade e a misericórdia de Deus, pois muitos preferem apresentar e enfatizar severidade e vingança de Deus.
• ...Lembrarmos do plano da salvação, não há plano de perdição; a punição depende de não aceitarmos o plano de salvação, o qual é pela graça, não por méritos humanos.
• ...Confiar em Deus, não em nós mesmos, em nossas habilidades e forças.
• ...Adorar e agradecer a Deus, não a exaltar a nós mesmos, nem mesmo a nossa fé ou a confiança que temos em Deus. O Foco é o Senhor!

Hernandes Dias Lopes observa que, “este Salmo, que era o predileto de Martinho Lutero, é uma das pérolas mais preciosas do Saltério. Trata-se de um Salmo Messiânico, pois revela com cores vivas o Messias, a pedra de esquina da igreja”.

Nossa confiança precisa concentrar-se no Salvador, não em nós mesmos. “Podemos ver Jesus Cristo nesse Salmo”, afirma Warren Wiersbe, “Sua entrada triunfal (vv. 25, 25), Sua rejeição (v. 27), Sua morte e ressurreição (v. 17) e Sua exaltação como pedra escolhida de Deus (vv. 22,23)”. E, de forma geral, esse autor destaca quatro princípios de vida que merecem nossa atenção:

1. Dar graças ao Senhor em todo o tempo (Salmo 118:1-4).
2. Confiar no Senhor em todas as crises (Salmo 118:5-14).
3. Glorificar ao Senhor depois de cada vitória (Salmo 118:15-21).
4. Ver a presença do Senhor em todas as experiências (Salmo 118:22-29).

Enfim, façamos como o salmista, confiemos no Salvador e reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Oportunidades

 Oportunidades Se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas, se morrer, produz muito fruto. João 12:24 Foi muito triste...