sábado, 12 de agosto de 2023

Salmos 98 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Salmos 98
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


SALMO 98 – Este Salmo é um poema religioso, espiritual, que utiliza imagens vivas, reiterações, linguagem poética e uma estrutura cuidadosamente elaborada com o objetivo de transmitir uma mensagem de adoração, louvor e antecipação de redenção, tendo a criação como participante ativa nessa canção.

Este poema lírico é uma expressão vibrante de louvor e adoração, caracterizado por sua alegria e imagens vívidas. O tema central deste Salmo é a celebração da grandeza de Deus como o Criador e Redentor. Suas imagens poderosas estimulam a imaginação do leitor:

• A criação participa como uma personificação, representando um coro de louvor. Montanhas, rios e mares “batendo palmas” e “rugindo” são imagens que evocam uma celebração jubilante da natureza diante do Criador. As metáforas ressoam fortemente, transmitindo a ideia de um universo vivo, de certa forma até mesmo consciente da augusta presença do soberano Criador.

• Há paralelismo, repetição, criando no Salmo um ritmo musical que reforça a natureza do cântico, destacando a alegria na adoração. As ideias repetidas ampliam o tema do louvor e a universalidade da salvação são ampliados, como uma espécie de refrão.

• A linguagem do salmo sendo poética e com figuras de linguagem expressam uma técnica que dão vida aos elementos naturais na participação direta na adoração. As imagens simbólicas transmitem mensagens profundas sobre o plano divino e o papel da criação diante do Criador.

• Assim, a estrutura do Salmo segue um padrão de convite ao louvor, descreve a ação da criação, apresenta a ênfase na redenção e faz um chamado final para todos se alegrarem.

Os tópicos teológicos relevantes que sobressaem deste Salmo são os seguintes:

• Adoração ao Criador e exaltação da salvação perante todas as nações (Salmo 98:1-3).
• Alegria da criação ao participar ativamente na adoração ao Criador (Salmo 98:4-8).
• A celebração da criação antecipa a redenção, que culminará com a elaboração final do plano de Deus (Salmo 98:9-10).
• A humanidade que vive sua responsabilidade perante Deus adquire esperança escatológica de um futuro promissor preparado pelo Deus justo e redentor.

Se até a natureza é um coro divino, onde montanhas, rios e mares aplaudem a grandiosidade de Deus, por que não unirmo-nos para fazer o mesmo?

O Criador do Universo tornou-Se o Redentor do ser humano perverso. Isso é motivo para reavivarmo-nos!

Vamos alegrar-nos? – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

No caminho

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 12 de julho https://mais.cpb.com.br/meditacao/no-caminho/ No caminho Ensine a criança no camin...