segunda-feira, 3 de abril de 2023

Jó 9 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Jó 9
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


JÓ 9 – Sem a revelação direta, clara e compreensiva de Deus, nunca iríamos parar de tatear no escuro neste mundo de trevas, injustiças, sofrimento, doenças e mortes.

Note que Jó não se pautou nem na revelação espiritual de Elifaz (Jó 4:12-5:27), nem na tradição dos antigos como fez Bildade (Jó 8:8-19); contudo, ainda que sua percepção de Deus fosse muito mais elevada que a deles (Jó 9:1-35), sem que Deus concedesse informação, sua intuição permanecia muito limitada: Ele não tinha qualquer noção dos acontecimentos dos bastidores no início de seu sofrimento, e nenhuma investigação científica obteria tal informação sem que Deus revelasse (Jó 1:1-2:13).

Desta forma, Jó 9 nos revela nitidamente, através do fiel e consagrado filósofo Jó, sobre a incapacidade humana de compreender completamente a justiça e o caráter de Deus.

• Deus é tão santo que o mais justo dos humanos se sentiria injusto diante dEle (Jó 9:2, 20).
• Deus é tão poderoso e sábio que nenhum sábio filósofo, argumentando profundamente, conseguiria questioná-lO no sentido de contestar Sua soberana vontade como se tivesse falha (Jó 9:3-4).
• Deus é capaz de realizar coisas incríveis, maravilhosas e extraordinárias, que os humanos são incapazes de compreendê-las plenamente (Jó 9:5-13).
• Deus é justo, ainda que a sociedade esteja tomada de injustiça, e Seus servos fieis sejam assolados com terríveis ataques injustos (Jó 9:14-19).
• Deus detém o conhecimento que é considerado mistério inclusive a indivíduos mais sábios e justos do mundo (Jó 9:20-35).

É claramente evidente que a limitação humana diante da teologia é uma realidade inescapável. Deus é, sem sombra de dúvidas, maior e mais sábios que qualquer humano consiga compreender; e, Sua justiça é inquestionável, ainda que não a entendamos, e mesmo que as circunstâncias pareçam gritar o contrário!

Diante das realidades contrastantes entre a finitude humana e a soberania divina, cabe a nós a humildade e a dependência total de Deus – assim como fez Jó em sua limitação e fraqueza. Nossa compreensão e perspectiva de tudo são completamente ilimitadas e incompletas; por isso, nossa maior sabedoria reside em depositar tudo o que temos e somos nas mãos do onisciente Deus Todo-poderoso.

Ciente disso:

• Cultivaremos a paciência.
• Confiaremos na justiça divina.
• Praticaremos a humildade.
• Buscaremos saber o que Deus revelou.

Em outras palavras, seremos verdadeiramente sábios! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
•••••

Nenhum comentário:

Espera ativa

  Devocional Diário  Vislumbres da eternidade  19 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/espera-ativa/ Espera ativa Não deixarei que fiqu...