sexta-feira, 13 de janeiro de 2023

A DESTRUIÇÃO DO MAL

 

A DESTRUIÇÃO DO MAL

Então vi descer do céu um anjo que tinha na mão a chave do abismo e uma grande corrente. Ele segurou o dragão, a antiga serpente, que é o diabo, Satanás, e o prendeu por mil anos. Lançou-o no abismo, fechou-o e pôs selo sobre ele [...]. Apocalipse 20:1-3

O Apocalipse tem uma estrutura diferente dos demais livros da Bíblia. Não é como uma história com início, meio e fim. As novas informações que vão sendo acrescentadas frequentemente cobrem o mesmo período da história já mencionado. É semelhante à construção de uma casa. Os construtores demarcam o terreno e depois passam por ele várias vezes, sempre acrescentando algo mais. Primeiro, o terreno é limpo. Então são colocados os alicerces. Depois vêm as paredes, e a obra segue até que a casa fique pronta.

A Bíblia inicia com o mundo perfeito. Depois, por mais de mil páginas, apresenta o surgimento e o desenvolvimento do pecado e o que Deus tem feito para restaurar todas as coisas à sua perfeição original. Ao final, no Apocalipse, ela aponta para um mundo restaurado e perfeito.

Antes, porém, de apresentar a eternidade de bem-aventurança (Ap 21–22), a Bíblia se detém a tratar da destruição do pecado e do mal. Desse modo, pode ser visto o triunfo de Cristo sobre o anticristo e seus aliados na batalha do Armagedom (Ap 16:12-16; 19), e a destruição de Satanás (Ap 20).

O diabo, restrito ao nosso planeta habitado apenas pelos demônios, terá mil anos para observar os resultados de sua rebelião (Ap 20:1-3). Ele, que viu a perfeição e beleza da Terra quando Deus a criou, presenciará um planeta destruído, um caos dominado pelas trevas (Jr 4:23-26), onde se encontrarão bilhões de cadáveres não sepultados, espalhados pela superfície (Jr 25:33). Ele saberá que tudo é culpa sua, resultado de seu orgulho, sua ganância, seu egoísmo, sua vaidade e suas escolhas. Seus sofrimentos serão intensos. Com temor e tremor aguardará “o futuro terrível em que deverá sofrer por todo o mal que praticou e ser punido pelos pecados que levou as pessoas a cometer” (O Grande Conflito, p. 546 [660]).

Em visão, ele foi visto “lançado no lago de fogo e enxofre” (Ap 20:10). Sim, Satanás e o mal terão seu fim. Cristo vencerá, e nós venceremos com Ele. Viveremos em plena paz pela eternidade. 

MEDITAÇÃO DIÁRIA

13 de janeiro

https://mais.cpb.com.br/meditacao/a-destruicao-do-mal/

https://youtu.be/pO3RbLo-P18

•••

Nenhum comentário:

A guarda do Sábado

A guarda do Sábado Certamente vocês guardarão os Meus sábados, pois é sinal entre Mim e vocês [...]. Aquele que o profanar morrerá; quem nes...