sexta-feira, 11 de novembro de 2022

O SER INVISÍVEL

 MEDITAÇÃO DIÁRIA

11 de novembro
https://mais.cpb.com.br/meditacao/o-ser-invisivel/

O SER INVISÍVEL

Pela fé, Moisés abandonou o Egito, não ficando amedrontado com a ira do rei, pois permaneceu firme como quem vê Aquele que é invisível. Hebreus 11:27

A educação que Moisés havia recebido no Egito foi-lhe de grande auxílio sob muitos pontos de vista; mas a preparação mais valiosa para o trabalho de sua vida foi a que recebeu quando empregado como pastor. Moisés tinha por natureza um espírito impetuoso. No Egito, como chefe militar bem-sucedido e favorito do rei e da nação, estava acostumado a receber louvor e adulação. Tinha atraído o povo para si. Esperava realizar por suas próprias forças a obra da libertação de Israel. Muito diferentes eram as lições que devia receber como representante de Deus. Conduzindo seus rebanhos pelas montanhas selvagens e pelos verdes pastos dos vales, aprendeu sobre fé, mansidão, paciência, humildade e abnegação. Aprendeu a cuidar dos fracos, tratar dos doentes, procurar os perdidos, suportar os indisciplinados, vigiar os cordeiros e alimentar os velhos e debilitados.

Nessa obra, Moisés era atraído para mais perto do Bom Pastor. Tornava-se intimamente unido ao Santo de Israel. Não projetou mais fazer uma grande obra. Procurava fielmente cumprir, como sob o olhar de Deus, a obra a ele confiada. Via a presença de Deus em tudo que o rodeava. A natureza inteira lhe falava do Ser invisível. Reconhecia-O como Deus pessoal e, meditando sobre Seu caráter, compenetrava-se mais e mais do sentimento de Sua presença. […]

Após essa experiência, Moisés ouviu a ordem do Céu para trocar o cajado de pastor pelo bastão da autoridade; deixar o rebanho de ovelhas e se encarregar da condução de Israel. O divino mandato encontrou-o desconfiado de si próprio, sem eloquência e tímido. Estava assombrado pelo sentimento de sua inaptidão para ser o porta-voz de Deus. Mas aceitou essa obra depondo inteira confiança no Senhor. A grandeza dessa missão pôs em exercício as mais altas faculdades de seu espírito. Deus abençoou sua pronta obediência, e Moisés tornou-se eloquente, esperançoso e de espírito equilibrado, preparado para a maior obra jamais confiada aos seres humanos. Dele foi escrito: “Nunca mais se levantou em Israel um profeta como Moisés, com quem o Senhor tratava face a face” (Dt 34:10) (A Ciência do Bom Viver, p. 474, 475).

PARA REFLETIR: O que você aprendeu que precisa desaprender a fim de realizar um serviço maior para Deus?
https://youtu.be/FXYLOXYQDeo

Nenhum comentário:

A PUREZA INFINITA

  A PUREZA INFINITA E todo o que tem essa esperança Nele purifica a si mesmo, assim como Ele é puro. 1 João 3:3 Ao terminar o discurso, Jesu...