domingo, 8 de agosto de 2021

Viagens Missionária - Atos 13

  Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse 

Leitura Bíblica - Atos dos Apóstolos 13

Comentário Pr Heber Toth Armí 

  Ao espalharem-se os cristãos após a tribulação ocasionada pela morte de Estêvão, o evangelismo em Antioquia tornou-se muito forte. O sucesso era claramente evidente (11:19-21). De Jerusalém, Barnabé foi enviado a Antioquia para coordenar a missão; com sua chegada, muitos foram fortalecidos na fé e outros tantos se uniram à igreja (11:22-24).

Sentindo que o crescimento era gigantesco, Barnabé precisou de ajuda. Então, foi a Tarso buscar reforço. Assim, Barnabé introduziu Paulo no evangelismo em Antioquia, sendo uma bênção do desenvolvimento da igreja (11:25-26).

Após cumprirem a missão em Antioquia, Barnabé e Saulo, trazendo em sua companhia João Marcos, retornaram a Jerusalém (12:25).

“Em Atos 13, Lucas transporta o leitor de volta a Antioquia, a fim de apresentar a primeira viagem missionária de Paulo, que ocupa dois capítulos inteiros (At 13 e 14). A partir desse ponto até o final do livro, o foco passa a ser Paulo e suas missões aos gentios” (Wilson Paroschi).

1. Da igreja de Antioquia Paulo e Barnabé foram enviados como missionários ao mundo (vs. 1-3);

2. Quem administrava a igreja e os projetos missionários era o Espírito Santo (vs. 2, 4);

3. Em Salamina um pretenso judeu (o mágico e falso profeta Elimas) rejeitou o evangelho pregado por Paulo e Barnabé; porém, um gentio da alta sociedade (o procônsul Sérgio Paulo) “creu na doutrina do Senhor” (vs. 4-12).

Aqui precisamos refletir nas Palavras de Paulo àquele que interferia na pregação do evangelho: “Filho do diabo e de tudo o que é justo! Você está cheio de toda espécie de engano e maldade. Quando é que vai parar de perverter os retos caminhos do Senhor?” (v. 10).

 A quem Paulo poderia dizer isso em nossos dias?

4. Em Antioquia da Pisídia, Paulo, sem João Marcos que havia retornado a Jerusalém (vs. 13-15), mas na companhia de Barnabé, pregou seu primeiro sermão registrado na Bíblia. Falou sobre salvação e obteve grande sucesso (vs. 16-43).

5. Os judeus se opuseram à pregação da Palavra, mas os gentios aceitaram e se alegraram pelas boas novas de salvação (vs. 44-49).

6. Os pregadores da Palavra foram expulsos, entretanto, estavam cheios de alegria e do Espírito Santo (vs. 50-52).

Proclamar a palavra não é fácil, mas Deus torna o impossível em possível! – Heber Toth Armí.

 #ebiblico #rpsp #palavraeficaz

Nenhum comentário:

Exemplo De Humildade

  Meditação Diária Segunda-feira, 27 de setembro EXEMPLO DE HUMILDADE O jovem Samuel servia ao Senhor, perante Eli. 1 Samuel 3:1 Mesmo sendo...