segunda-feira, 3 de maio de 2021

Jesus Ilustra A Humildade

 MEDITAÇÃO DIÁRIA

Segunda-feira, 3 de maio

Jesus Ilustra A Humildade

E Jesus, chamando uma criança, colocou-a no meio deles. E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos tornardes como crianças, de modo algum entrareis no reino dos céus. Mateus 18:2, 3

 No lugar de Jesus, a maioria das pessoas diria às crianças: “Quando vocês crescerem, procurem ser como Pedro e João ou um dos outros discípulos.” Em vez disso, o Senhor disse aos discípulos: “Tornem-se como crianças.”

Por que Jesus deu esse conselho? Os discípulos estavam muito preocupados com as posições que iriam ter no reino anunciado pelo Mestre. Ao que parecia, não se achavam muito satisfeitos com a grande missão que lhes fora dada de curar, expulsar demônios, pregar o evangelho. Queriam posições sociais em que tivessem autoridade. Quão humanos eram!

Jesus lembrou-lhes como as crianças em geral não pensam nessas coisas. Crianças de diferentes origens podem brincar juntas sem nenhuma ideia de diferença. Só quando crescem e aprendem essas distinções com os de mais idade, passam a se preocupar com essas coisas.

Infelizmente, o ser humano pecador gosta de sentir que é melhor, mais inteligente, mais talentoso, mais próspero e mais poderoso do que seus contemporâneos. Seria bom se todo cristão considerasse com frequência a seguinte citação:

“Em tudo que tivermos vantagem sobre outros – seja educação e cultura, nobreza de caráter, princípios cristãos ou experiência religiosa – estamos em dívida para com os menos favorecidos; e, naquilo que estiver ao nosso alcance, devemos ajudá-los” (Ellen G. White, O Desejado de Todas as Nações, p. 352).

Quando Salomão assumiu o reino, orou a Deus: “Não passo de uma criança, não sei como conduzir-me” (1Rs 3:7). Era essa a atitude que Jesus procurava ensinar a Seus discípulos, porém eles tinham dificuldade em aprender as coisas espirituais.

Numa época em que se dá tanta ênfase à posição social, à educação e ao poder, como seria importante se todo cristão mantivesse o espírito humilde de uma criança! Deus busca cristãos dotados de graça suficiente para passar por alto a louca disputa pelos primeiros lugares. “Dos tais é o reino dos céus” (Mt 19:14).

Norval F. Pease, 16/2/1970

Nenhum comentário:

As Palavras Convencem, O Exemplo Arrasta

  MEDITAÇÃO DIÁRIA 6 de agosto, sexta As Palavras Convencem, O Exemplo Arrasta Ninguém despreze a tua mocidade; pelo contrário, torna-te pad...