terça-feira, 11 de fevereiro de 2020

VIGOR RENOVADO

MEDITAÇÃO DIÁRIA

11 de fevereiro

VIGOR RENOVADO

Mas os que esperam no Senhor renovam as suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam. Isaías 40:31

Sofrendo os rigores do exílio babilônico, o povo escolhido de Deus estava angustiado. Para seu consolo, porém, o Senhor não havia Se esquecido dele. Muitos anos antes, por intermédio do profeta Isaías, Deus enviou a Seus filhos mensagens de conforto e esperança, reiterando a promessa de libertação do cativeiro e retorno à sua pátria (Is 40:1-11).

Mesmo assim, para alguns, não foi fácil conservar a fé na soberania divina. Siegfried Júlio Schwantes pondera que o esplendor de Babilônia, o contato com uma civilização materialmente mais avançada, a pompa de seus templos e a preconceituosa crença de que os deuses da nação vencedora eram mais fortes impressionaram muitos exilados. Então passaram a fazer comparações desfavoráveis ao Deus de Israel (O Profeta Evangélico, p. 83, 85).

Em resposta a essa condição, o profeta pôs em evidência a majestade e a sabedoria do Senhor (v. 12-31). Sim, Ele é absoluto, sem rivais. O Criador “nem Se cansa, nem Se fatiga” (v. 28). Seu conhecimento e Seus recursos são ilimitados. E tudo está posto à disposição de Seus filhos. Mesmo os mais fortes e sábios entre nós têm consigo grandes limitações, fraquezas e necessidades. No entanto, Deus é suficientemente bondoso e poderoso para suprir todas as nossas necessidades e fraquezas. Ele sempre ouve o clamor daqueles que se sentem insuficientes para suportar os rigores da caminhada em direção à Canaã celestial. Mesmo jovens e crianças, na plenitude de seu vigor, “se cansam e se fatigam” fisicamente. Isso também é verdade quanto à vida espiritual. Por isso, necessitamos de algo mais que nossas forças para continuar a jornada. Necessitamos de confiança, dependência e esperança no Senhor.

“Os que esperam no Senhor” recebem forças para se manter, como a águia, sempre acima das preocupações, dos temores e das angústias da vida. Não se deixam intimidar por adversidades. Enfrentam infortúnios com coragem. Fixam o olhar no horizonte que se descortina quando são atingidas as alturas da confiança e da serenidade, certos de que “todos os que consagram a Deus o corpo, a mente e o coração estarão constantemente recebendo nova capacitação de poder físico e mental. As inesgotáveis provisões do Céu estão à sua disposição” (Ellen White, O Desejado de Todas as Nações, p. 827).

Meditações Matinais - De Coração a Coração, Zinaldo A. Santos

Nenhum comentário:

Vida Em Um Olhar

MEDITAÇÃO DIÁRIA 22 de setembro Vida Em Um Olhar Eles se aproximaram de Felipe [...],com um pedido: “Senhor, queremos ver Jesus”. Joã...