Translate

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Louvor e Ações de Graça

Refletindo a Cristo

Louvor e Ações de Graça - 28 de setembro

Louvarei com cânticos o nome de Deus, exaltá-Lo-ei com ações de graças. Sal. 69:30.

A voz é um órgão maravilhoso. É uma bênção maravilhosa, a qual devemos usar totalmente na causa de Cristo, e não para exaltar ao demônio, através de queixumes sobre as dificuldades do caminho para o Céu. Vamos dar ao mundo um exemplo vivificante da beleza que há na religião e em Jesus Cristo através dos sacrifícios que oferecemos a Deus, falando de Sua bondade e de Seu poder.

Se vos sentirdes predispostos a murmurar, suprimi o desejo antes de torná-lo audível, e educai vossas vozes e língua, e então, ao abrirdes os olhos pela manhã, a primeira atitude será: “Dou graças ao Senhor; Ele me guardou durante a noite. Agradeço-Te, ó Jesus, pela paz que há em meu coração.” E assim, de manhã, ao meio-dia e à noite tereis uma oferta de gratidão, que se eleva a Deus como um cheiro suave.

E Jesus disse que nos enviaria o Consolador. O que é o Consolador? É o Espírito Santo de Deus. O que é o Espírito Santo? É o representante de Jesus Cristo, é o nosso Advogado, que Se coloca ao nosso lado e apresenta nossas petições perante o Pai, perfumadas com os Seus méritos. Lá Ele aceita as petições do mais humilde dos santos. Ele não pergunta quanto dinheiro tendes, ou quão abundantes são vossas propriedades, mas o mais humilde santo que traz sua petição a Deus, tem sua oferta de gratidão perfumada com as riquezas da Sua graça, e o Pai a aceita como vossa oferta, e a bênção é dada a vós, graça por graça.

Ao apresentardes vossa oferta de gratidão, Deus é glorificado, e vos dá ainda mais. Ao apresentardes ações de graças, Ele vos dá mais alegria. Aprendemos a louvar a Deus, de quem procede toda boa dádiva. Não começaríamos aqui mesmo a virar a página e a esquecer nossas murmurações e queixumes e críticas, e a educar a língua a proferir palavras corteses, amorosas e compassivas, e a ser bondosos a cada um de Seus filhos?

Revelemos a Cristo formado em nós, a esperança da glória, através dos frutos que produzimos, e assim poderemos evidenciar ao mundo o Salvador que vive. … Ele ressuscitou. Quebrou os grilhões da tumba. Em triunfo Se regozija sobre o sepulcro aberto de José. “Eu sou a ressurreição e a vida.” João 11:25. Glória a Deus. Eu louvo a Ele, a ressurreição da vida. Tendes… um Salvador que vive.

Então, reclinai vosso desajudado espírito em Jesus Cristo. Permanecei na videira, e produzi frutos para a Sua glória, e a sua alegria estará em vós, e a vossa alegria será completa. … Que o Espírito Santo de Deus impressione o coração, e que o caráter revele o encanto de Jesus Cristo, pois sois Seus representantes. Manuscrito 43, 1894.


Meditação Matinal de Ellen White – Refletindo a Cristo, 1986 – Pág. 277 –
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis