quarta-feira, 1 de maio de 2024

Ezequiel 37 Comentário

  Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Ezequiel 37
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


EZEQUIEL 37 – É importante certificarmos que a fidelidade, o amor e o poder transformador de Deus são essenciais para nossa redenção. Deus é capaz de operar transformação inclusive em casos irremediavelmente perdidos, sem solução. Essa verdade pode ser aplicada a qualquer área de nossa existência; pois Deus é eficaz em trazer renovação e restauração nas situações mais desesperadoras.

Ezequiel 35, 36 e 37 formam uma narrativa contínua que aborda a temática da restauração e do reavivamento espiritual de Israel.

• Em Ezequiel 35, o julgamento sobre Edom reflete o juízo sobre o pecado e a injustiça, e torna-se uma libertação ao povo de Deus que fora oprimido e humilhado pela nação opressora.

• Em Ezequiel 36, Deus promete purificar Seu povo, remover o coração de pedra e dar-lhe um coração de carne. Promete restaurar a terra e fazer com que ela floresça novamente. Isso simboliza renovação espiritual e restauração física, biológica e ambiental, revelando amor e graça do Redentor.

• Em Ezequiel 37 chegamos num capítulo extremante simbólico e extraordinário do livro profético. Neste relato, Deus mostra ao Seu mensageiro uma visão de um vale de ossos secos, representando a condição física e espiritual do povo de Israel. Diante desta cena, Ezequiel profetizaria sobre os ossos ressecados; os quais tornaram-se corpos novamente e foram revestidos de carne e pele, ganhando vida. Essa visão representa um reavivamento integral extraordinário, onde o que estava morto é trazido de volta à vida pelo poder divino. Israel voltaria do cativeiro árido para uma existência de glória novamente em Sião.

Nos tempos atuais de titânicos desafios espirituais e incertezas, a busca por reavivamento tem sido uma constante na jornada da igreja. Mas, o que exatamente é reavivamento? E, como podemos experimentá-lo de forma genuína em nossa vida e comunidade?

Em buscas dessas respostas, temos Ezequiel 37, com um retrato de desespero, desolação e morte espiritual, ilustrando (provavelmente) nossa espiritualidade atual. A Palavra de Deus na boca de Ezequiel foi capaz de restaurar tudo o que o pecado arruinou. Sua Palavra é viva e eficaz, capaz de penetrar até o âmago de nossa existência (Hebreus 4:12), trazendo vida onde havia morte, esperança onde só havia desespero!

Assim como a Palavra Profética trouxe vida ao vale, ela pode trazer vida às Igrejas hoje. Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Amigos para toda a vida

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 25 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/amigos-para-toda-a-vida/ Amigos para toda a vida ...