segunda-feira, 22 de janeiro de 2024

Isaías 60 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Isaías 60
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


ISAÍAS 60 – As profecias deste capítulo não se cumpriram como Deus predissera. Pois, Israel falhou; não preencheu os pré-requisitos para viver a glória de Jerusalém. O povo não viveu para ser luz entre as nações.

Além de tornarem-se exclusivistas, egoístas e com sentimentos de superioridade, os judeus não melhoraram sua espiritualidade após o exílio babilônico. As evidências dessa perversão são as repreensões de Ageu, Zacarias, Esdras, Neemias e Malaquias. Porém, Deus não cancelou Suas maravilhosas promessas; pelo contrário, Ele as ampliou, graças à obra de Cristo na cruz!

• Em Isaías 60:1-3, 19-20 a luz e a glória divinas se levantariam sobre Jerusalém. A cidade é descrita como brilhante e iluminada pela presença de Deus. Porém, será na Nova Jerusalém, profetizada por João, que não precisará de sol nem de lua, “pois a glória de Deus a ilumina, e o Cordeiro é Sua candeia. As nações andarão em sua luz, e os reis da Terra lhe trarão a sua glória. Suas portas jamais se fecharão de dia, pois ali não haverá noite” (Apocalipse 21:23-25; 22:1-5).

• Em Isaías 60:4-12 está profetizado sobre reuniões das nações em torno de Jerusalém, trazendo riquezas e recursos à cidade. Contudo, de forma plena, isso acontecerá na Nova Jerusalém, após o milênio, quando “a glória e a honra das nações lhe serão trazidas” (Apocalipse 21:26).

• Em Isaías 60:13-16 Jerusalém é mencionada como uma noiva adornada para seu esposo, simbolizando a união especial com Deus. Mas, será quando forem recriados Novos Céus e Nova Terra que Jerusalém será retratada como a noiva do Cordeiro – quando “o tabernáculo de Deus esta[rá] com os homens, com os quais Ele viverá. Eles serão seus povos; o próprio Deus estará com eles e será o seu Deus” (Apocalipse 19:7-9; 21:1-3).

• Em Isaías 60:17-18, 21-22 fala de Jerusalém totalmente restaurada, “sem violência em sua terra, nem de ruína e destruição dentro de suas fronteiras”, em que “todo o seu povo será justo...”. Tal realidade se dará quando o mal for completamente exterminado e, Deus não permitir que entre na Cidade Santa covardes, incrédulos, depravados, assassinos, imorais, amantes de feitiçaria, idólatras e mentirosos (Apocalipse 21:8).

A garantia divina no final de Isaías 60 foi reiterada em Apocalipse 21:5 “estas palavras são verdadeiras e dignas de confiança”. Então... aguardemos! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Penélope

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 21 de junho https://mais.cpb.com.br/meditacao/penelope/ Penélope Portanto, irmãos, sejam pacie...