terça-feira, 26 de dezembro de 2023

Isaías 33 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Isaías 33
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


ISAÍAS 33 – O tema deste capítulo é “oração por livramento”. Porém, “o tema ‘esperar no Senhor’ também ocorre nesse contexto. Está associado a um conceito bíblico fundamental: ‘o temor do SENHOR’. O temor do Senhor tem uma conotação positiva. Consiste na atenção e no respeito reverente ao Senhor, algo essencial para um relacionamento com Deus. O temor do Senhor é uma das virtudes do Messias (11:2, 3). É a atitude que Deus espera de todos os seres humanos (Ec 12:13; ver também Ap 14:7). O temor do Senhor é comparado ao valor de um tesouro (Is 33:6)”, explica a Bíblia Andrews.

Confiar em Deus é de suprema importância e uma atitude valiosa, pois...

• Em meio ao caos, a justiça divina é a âncora que firma nossa esperança, guiando-nos através das tempestades da vida.

• As muralhas do pecado desmoronam diante da luz da santidade divina, revelando a necessidade de arrependimento e transformação do coração.

• Nosso refúgio seguro está na confiança no Senhor, cuja fidelidade é a rocha inabalável em que encontramos segurança e proteção eternas.

• A graça divina restaura o coração contrito, transformando lamentos em louvores e desespero em esperança renovada.

• Na presença de Deus, a justiça encontra-se com a misericórdia, formando o alicerce da paz que transcende a compreensão humana.

• Em meio às aflições, somos chamados a buscar a face do Senhor – é na comunhão com Ele que encontramos refrigério e consolo reais.

• O Senhor é o governante que traz estabilidade e ordem, transformando caos em cosmos, e desespero em esperança viva.

• A sabedoria é a bússola que guia nossos passos trôpegos, revelando o caminho da retidão e da verdadeira realização em Deus.

• A presença divina é a luz que dissipa as trevas, iluminando nosso caminho e revelando, mediante a graça, os mistérios ocultos.

• No deserto da vida, o Senhor é a fonte que sacia nossa sede espiritual, transformando lugares áridos em jardins de abundância.

Embora Isaías 33 trate primariamente com o povo judeu do Antigo Testamento, sua mensagem continua relevante para instigar nossa confiança no Deus que é capaz de perdoar, redimir e restaurar o remanescente fiel, mesmo diante das ameaças e dificuldades. Isaías exorta-nos a buscar a justiça, a abandonar o pecado e a confiar na proteção e direção divinas.

Portanto, reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Hotel Abraão

  Devocional Diário Hotel Abraão Abraão plantou uma tamargueira em Berseba e invocou ali o nome do Senhor, o Deus Eterno. Gênesis 21:33 Um c...