domingo, 26 de novembro de 2023

Isaías 3 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Isaías 3
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


ISAÍAS 3 – As pessoas têm costume de esconder sua podridão de alma atrás de coisas consideradas belas e importantes. O que não sabem é que a vaidade é um sinal forte de grande apostasia, abandono de Deus e de Seus princípios.

No início de Isaías 3, Deus revela a ruína e a miséria como consequência dos pecados abertos da parte de Seu amado povo: Falta de recursos vitais. Qual o problema para Deus permitir que Seu povo sofra desta forma?

• O povo abrigava especialistas em práticas religiosas que despertavam a ira divina; além da liderança, a sociedade como um todo estava apodrecendo espiritualmente, perceptível nas palavras, atitudes, ações e expressões faciais que confrontavam a Deus e a Seus princípios (Isaías 3:1-12, 15-16).

• O texto revela como os pecadores, que estão apodrecendo no pecado, intentam maquiar sua condição deplorável e horrorosa. As mulheres da sociedade escondem sua condição atrás da arrogância e do orgulho, seus enfeites podem até esconder suas imperfeições perante a sociedade, porém, não escondem de Deus a podridão da alma (Isaías 3:16-24).

• O juízo de Deus visa o arrependimento, a renúncia ao pecado, ao abandono da negligência espiritual de líderes religiosos, políticos e do povo como um todo. O Juiz Celestial almeja um reavivamento e uma reforma na vida. Seu propósito é restaurador, e em favor dos vulneráveis, frágeis e necessitados, que revelam o quanto carecem dEle e de Sua graça (Isaías 3:13-15).

Alguns intérpretes enxergam no texto que Deus seja contra os adornos das mulheres como pulseiras, testeiras, colares, pendentes, braceletes, correntinhas de tornozelos, talismãs, amuletos, anéis e enfeites de nariz. Se essa linha de raciocínio for seguida, o texto estaria dizendo que Deus também é contra enfeites no cabelo, cintos, roupas caras, capas, mantilhas, bolsas, espelhos, roupas de linho, tiaras, xales, perfumes e penteados (Isaías 3:18-24). Na verdade, a raiz do problema é outro: Vaidade baseada no orgulho que exclui Deus!

Esta vaidade se revela no luxo, e também nos títulos acadêmicos, na fama e também no poder (Isaías 3:2-6). Contudo, ela nunca será solução para a podridão do coração. Neste caso, o texto enfatiza que só Deus pode curar-nos e restaurar-nos.

Autoridade/poder e luxo/enfeites são meramente maquiagens que apenas aparentam prosperidade (Isaías 3:24-26). Portanto, reavivemo-nos espiritualmente! Consagremo-nos a Deus! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Hotel Abraão

  Devocional Diário Hotel Abraão Abraão plantou uma tamargueira em Berseba e invocou ali o nome do Senhor, o Deus Eterno. Gênesis 21:33 Um c...