terça-feira, 3 de outubro de 2023

Salmos 150 Comentário

  Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Salmos 150
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


SALMO 150 – Devemos ser exclusivistas na adoração (adorar unicamente ao Deus verdadeiro, conforme o primeiro mandamento); porém, devemos ser inclusivos no convite à adoração (convidar, incentivar e apelar a todos para adorarmos juntos ao Deus verdadeiro) – não devemos contentar-nos e acomodar-nos enquanto não estivermos levando mais gente a adorar conosco!

O Salmo 150 possui claros aspectos práticos e teológicos, sua mensagem é lógica e contundente. “Ao chegarmos ao grande final, nada mais apropriado do que encontrarmos um apelo curto e incisivo para a criação cumprir seu verdadeiro propósito ao adorar a Deus”, diz William MacDonald.

A estrutura do último Salmo do saltério divide-o em respostas essenciais a quatro perguntas cruciais:

• Onde deve ocorrer a adoração coletiva? (Salmo 150:1): No Santuário e no firmamento, em toda parte, no Céu e na Terra. “Não há lugar onde o louvor seja inapropriado” (MacDonald).

• Por que é necessário louvar a Deus? (Salmo 150:2): Pelos Seus feitos poderosos no Antigo e Novo Testamento. “Não O glorificamos apenas por Sua muita grandeza, mas também consoante a ela. É pecado se mostrar indiferente ao relatar as excelências de nosso Criador e Redentor” (MacDonald).

• Como se deve louvar ao Soberano Deus? (Salmo 150:3-5): Com toda sorte de instrumentos musicais – de sopro, cordas e percussão. “Este poema contém uma ênfase no louvor a Deus, nas localizações (santuário, firmamento; v. 1), depois, na orquestra e nos movimentos (v. 2-5; instrumentos de sopro, cordas e percussão no centro) e, por fim, no coral (v. 6)”, explica a Bíblia Andrews.

• Quem participa do louvor a Deus? Ninguém pode ficar de fora! “Todo ser que respira é convocado a adorar a Yahweh de todo o coração. Afinal, a vida se origina do sopro de Deus, sendo Sua prerrogativa de dar, tirar, e tornar a dar esse mesmo fôlego” comenta N. T. Wright.

A adoração é fundamental na vida humana; especialmente antes da segunda vinda de Cristo. “O tema de louvor e adoração é um dos mais relevantes para o momento no qual vivemos, especialmente quando consideramos as Três Mensagens Angélicas. A primeira e a terceira delas apresentam dois tipos de adoração, uma verdadeira e outra falsa”, diz o músico Jetro Meira de Oliveira.

Precisamos considerar na adoração “onde, por que, como e quem” se desejamos adorar corretamente! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Jovens a serviço

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 18 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/jovens-a-servico/ Jovens a serviço Expondo estas ...