segunda-feira, 21 de agosto de 2023

Salmos 107 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a

Apocalipse

Leitura Bíblica – Salmos 107
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


SALMO 107 – Render graças a Deus é uma atitude que deve ser educada. Os Salmos nos instigam a louvar, exaltar e glorificar a Deus.

Os imperativos no Salmo em apreço devem levar-nos para além da reflexão – devemos tomar atitude, e partir para a ação intensa.

São vários os motivos que temos para agradecer a Deus; o Salmo 107 cita pelo menos 5:

• Resgate dos perdidos: Pessoas em situações difíceis, como errantes no deserto, famintas e sedentas, experimentaram o resgate provido por Deus em suas angústias, guiando-as para um lugar de habitação segura (Salmo 107:1-9).
• Libertação dos aprisionados: Pessoas que foram presas devido às Suas transgressões clamaram a Deus e Ele as libertou das trevas e das correntes, demonstrando Sua misericórdia e bondade (Salmo 107:10-16).
• Cura dos enfermos: Pessoas sofrendo por causa de suas próprias ações, à beira da morte, devido às suas próprias iniquidades, que mesmo moribundas clamaram a Deus... foram atendidas, curadas e libertas da morte iminente (Salmo 107:17-22).
• Livramento marítimo: Os marujos enfrentam adversidades em alto mar; ao clamarem a Deus em meio às fortes e violentas ondas, Ele acalmou as tempestades, trazendo-os em segurança ao porto desejado (Salmo 107:23-32).
• Benção sobre a terra árida: Deus transformou a terra árida em terra fértil, abençoando Seu povo com abundantes colheitas. Isso revela o cuidado de Deus, proporcionando ao Seu povo sustento e prosperidade (Salmo 107:33-38).

Deus age em favor dos que O reconhecem como Senhor; entretanto, coloca-Se contra os que se rebelam contra Ele (Salmo 107:39-42). Por isso, no auge do Salmo 107, sua conclusão atinge profundamente o nosso coração:

“Reflitam nisso os sábios e considerem a bondade do Senhor”. O Salmo 107:43 merece nossa atenção:

• Como em cada situação crítica Deus responde com amor e compaixão, demonstrando Sua bondade infinita, devemos recorrer sempre a Ele; não correr dEle – o que é loucura!

• A proposta do último versículo é chamar-nos à sabedoria que ultrapassa o conhecimento intelectual, alcançando compreender profundamente nossa necessidade de um Deus cheio de amor, que age em nosso favor.

• Através da meditação sobre a bondade divina, podemos fortalecer nossa fé e confiança em Deus, reconhecendo Sua soberania e cuidado constante – do qual somos miseravelmente carentes.

Enfim, quando refletimos sobre os resgates, curas, libertações e bênçãos, somos movidos ao reavivamento! – Heber Toth Armí.
#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Lecitina espiritual

DEVOCIONAL DIÁRIO - VISLUMBRES DA ETERNIDADE  27 de fevereiro Lecitina espiritual    Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Por isso,...