terça-feira, 30 de maio de 2023

Salmos 24 Comentário

  Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Salmos 24
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


SALMO 24 – As palavras deste Salmo podem ser usadas em serviços religiosos e momentos de adoração coletiva; podem ser recitadas, cantadas ou utilizadas como base para reflexões sobre a grandeza e santidade de Deus.

O Salmo enfatiza a necessidade de pureza e retidão para aproximar-se de Deus. Tem utilidade de lembrar-nos de buscar a intimidade com Deus e purificar nosso coração diante dEle.

O Salmo também aborda a importância da pureza e retidão na conduta do crente. Pois, pode ser aplicado em momentos de arrependimento e busca por perdão e consagração, conduzindo-nos através da necessidade de confessar pecados, e então buscar a reconciliação com Deus.

Além disso, em tempos de tentação e lutas contra o pecado, podemos recorrer ao Salmo 24 para fortalecer nossa determinação em buscar a pureza, e agradar a Deus em todas as áreas de nossa existência.

Portanto, a mensagem contida no Salmo 24, que inclui adoração, santidade e soberania divina, pode ser adaptada e aplicada em diversas situações de busca espiritual, reflexão, louvor e adoração.

Todavia, há três ocasiões importantes na história em que se encaixam o Salmo 24:

• Na entronização de um rei israelita: Na ocasião da entronização de um monarca, o Salmo poderia ser usado para lembrar tanto o rei quanto o povo de que Deus é o verdadeiro governante e de que a reponsabilidade do rei é agir com justiça e retidão perante Ele e o povo.

• Na entronização de Cristo: Após a ressurreição e ascensão ao Céu, Cristo foi entronizado à direita de Deus Pai, como Rei dos reis e Senhor dos senhores. O Universo celebrou essa ocasião festiva com alegria e adoração.

• Na segunda vinda de Cristo: Nesse evento escatológico está associado ao juízo final e o estabelecimento do reino eterno; por isso, podemos usar o Salmo 24 como um chamado para estar preparado e aguardar com expectativa o retorno de Cristo.

Se era necessário preparar-se para estar dignamente diante de um rei humano, quão necessário é preparar-se para estar com o Rei divino. Somente aqueles que forem considerados dignos por Deus poderão estar em Sua presença.

Na segunda vinda de Cristo, aqueles que são dignos de entrar no reino celestial têm o coração voltado para Ele, pois O buscam de todo coração!

Enfim, reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
•••••

Nenhum comentário:

Fruta nossa de cada dia

  Devocional Diário Fruta nossa de cada dia E o Senhor Deus ordenou ao homem: “De toda árvore do jardim você pode comer […].” Gênesis 2:16 A...