quarta-feira, 11 de janeiro de 2023

CONFIRMADA A PALAVRA PROFÉTICA

 

CONFIRMADA A PALAVRA PROFÉTICA

Assim, temos ainda mais segura a palavra profética, e vocês fazem bem em dar atenção a ela, como a uma luz que brilha em lugar escuro, até que o dia clareie e a estrela da alva nasça no coração de vocês. 2 Pedro 1:19

Os judeus estavam no cativeiro babilônico. Não eram mais uma nação. Haviam perdido sua terra, seu rei e sua liberdade. No entanto, alguns deles ainda tinham consigo a Palavra de Deus. Nela, havia duas profecias especiais que apontavam para o fim do cativeiro, a possibilidade de retorno à pátria e a reconstrução de Jerusalém e do templo. A primeira profecia fora feita muito tempo antes, pelo profeta Isaías. Ele havia anunciado a libertação do cativeiro e a reconstrução de Judá, chegando mesmo a mencionar o nome do libertador – Ciro (Is 44:21–45:6, 12, 13).

A segunda, mais recente, fora predita por Jeremias. Esse profeta teve a singular experiência de predizer as investidas dos caldeus contra Judá e de sofrê-las quando se tornaram realidade. Ele anunciou que o cativeiro de seu povo iria durar 70 anos (Jr 25:8-12; 29:10-14).

O tempo havia passado. Então, pouco antes de se cumprirem os 70 anos da profecia, os medos e os persas se uniram, formando um vasto exército que se pôs a marchar contra Babilônia – a capital do império. No trajeto, eles enfrentaram todos os reis e povos que encontraram e, vencendo um a um, iam incorporando-os a seu exército. Esses reis menores marcharam juntos, todos sob as ordens de Ciro, comandante-chefe desse poderoso exército. Ele era o rei dos reis, que estava indo para vencer Babilônia.

Fico pensando nos sentimentos que devem ter tomado conta dos judeus fiéis que possuíam os pergaminhos de Isaías e Jeremias. Os 70 anos estavam quase terminando, e as caravanas que vinham a Babilônia traziam a notícia de que se aproximava um conquistador. Seu nome era Ciro. A segura palavra dos profetas estava para se cumprir mais uma vez! De fato, as profecias se cumpriram. Babilônia foi vencida, os 70 anos terminaram, e Ciro fez um decreto concedendo liberdade aos judeus para retornarem a Judá. 

Nós também estamos no cativeiro. Aqui não é a nossa pátria. O tempo está passando, e logo o Rei dos reis virá para nos libertar. A palavra profética está para se cumprir mais uma vez. Vamos nos alegrar! 

MEDITAÇÃO DIÁRIA

11 de janeiro

https://mais.cpb.com.br/meditacao/confirmada-a-palavra-profetica/

https://youtu.be/Lb0Pn2PrfqY

•••

Nenhum comentário:

A OBRA DO ESPÍRITO SANTO

  A OBRA DO ESPÍRITO SANTO Quando Ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo: do pecado, porque eles não creem em Mim; da...