quarta-feira, 26 de outubro de 2022

2 Samuel 19 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica - 2 Samuel 19
Comentário
Pr Heber Toth Armí

II SAMUEL 19 – Esquemas de politicagem geralmente resultam em caos, sofrimento e desgraça. Busca pelo poder a qualquer custo pode custar a vida até de gente bem quista, atraente e estrategista. Percebe-se essa realidade fatídica na curta vida de Absalão. Davi, seu pai, chorou copiosamente pela desgraça acometida ao filho que tentou usurpar seu trono.

O livro em análise está marcado por lágrimas de várias pessoas por situações ligadas de alguma forma a politicagens ou escândalos no governo (II Samuel 1:12, 24; 3:16, 32; 11:26; 12:21-22; 13:19, 36; 15:23, 30, 31, 34; 18:33). II Samuel 19 inicia com o rei Davi chorando em luto por seu filho Absalão que intentara usurpar seu trono.

“Absalão era egoísta, inescrupuloso, ambicioso e impulsivo”. Contudo “era admirado pelo povo e foi gradualmente conquistando sua simpatia”, assinala o Comentário Bíblico Adventista. A revelação mostra que a preferência do povo para eleger seus líderes é questionável. A voz do povo nunca é a voz de Deus. O gosto do povo não é refinado o bastante para saber o que é melhor para governar uma nação.

Focado na desgraça do filho, Davi ignorava a quem deveria valorizar. Quando isso nos acontece, é necessário alguém nos confrontar para erguer nossos olhos e fazer-nos enxergar o óbvio. Joabe repreendeu duramente a Davi levando-o à reflexão. O resultado foi positivo (II Samuel 19:5-43). Então, a sábia e correta habilidade política de Davi começou a funcionar novamente. Amasa, que dirigira as tropas de Absalão não foi descartado, foi escolhido para comandar o próprio exército. Simei e Ziba encontraram favor e misericórdia em Davi quando mereciam punição. “Davi aprendera a lição de que não podemos desfrutar a misericórdia e o perdão de Deus sem estendê-los a outros”, salienta Rosalie Haffner Lee. Também devemos aprender essa lição!

Há situações que a misericórdia de Deus nos alcança por meio de uma severa e rígida exortação. “Melhor é a repreensão feita abertamente do que o amor oculto. Quem fere por amor mostra lealdade...” (Provérbios 27:5-6).

Há situações pessoais que afetam nossas emoções, comprometendo, inclusive, deveres oficiais; nessas horas, alguém precisa abrir nossos olhos, com argumentos razoáveis como fez Joabe (II Samuel 19:5-7).

Na jornada rumo ao reino celestial, precisamos de repreensão e correção (Hebreus 12:1-12). Aprenderemos a lição? Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

#ebiblico #rpsp #palavraeficaz‌‌

Nenhum comentário:

A PUREZA INFINITA

  A PUREZA INFINITA E todo o que tem essa esperança Nele purifica a si mesmo, assim como Ele é puro. 1 João 3:3 Ao terminar o discurso, Jesu...