quinta-feira, 15 de setembro de 2022

O PEQUENO REI

 O PEQUENO REI

E mandou matar todos os meninos de Belém e de todos os seus arredores, de dois anos para baixo. Mateus 2:16

Quando Cristo nasceu, Satanás viu as planícies de Belém iluminadas pela brilhante glória de uma multidão de anjos celestiais. Ele ouviu o cântico: “Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na Terra entre os homens, a quem Ele quer bem” (Lc 2:14). O príncipe das trevas viu os pastores assustados, cheios de temor, enquanto contemplavam as planícies iluminadas. Tremeram diante da exibição de ofuscante glória que parecia dominar seus sentidos. O próprio chefe dos rebeldes tremeu diante da proclamação do anjo aos pastores: “Não tenham medo! Estou aqui para lhes trazer boa-nova de grande alegria, que será para todo o povo: é que hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador, que é Cristo, o Senhor” (v. 10, 11). Satanás teve êxito em elaborar um plano para arruinar a humanidade e, por isso, havia se tornado audacioso e poderoso. Tinha controlado a mente e o corpo de todos, desde Adão até a primeira vinda de Cristo. Mas agora estava em dificuldade e perplexo por seu reino e sua vida.

Ao ouvir o cântico dos mensageiros celestiais, proclamando o advento do Salvador a um mundo caído e a alegria expressa nesse grande evento, Satanás sabia que não lhe era reservada boa coisa. Em sua mente, ele pressentia o que, sob a influência desse advento ao mundo, poderia acontecer a seu reino. Indagou-se se aquele não seria o Rei vindouro que confrontaria seu poder e destruiria seu reino. Considerou a Cristo, desde Seu nascimento, como rival. Instigou inveja e ciúmes em Herodes, a fim de que destruísse Jesus, insinuando que o poder e o reino do governante terreno estavam prestes a ser dados a esse novo Rei. Satanás encheu Herodes dos mesmos sentimentos e temor que perturbavam sua mente. Inspirou a intenção corrupta de Herodes, de matar todas as crianças de Belém que tinham até dois anos de idade. Com esse plano, imaginava obter êxito em livrar a Terra do pequeno Rei.

Contrariando seus planos, porém, Satanás vê um poder mais elevado em ação. Anjos de Deus protegeram a vida do Redentor enquanto bebê. José foi advertido em sonho a fugir para o Egito, a fim de que, em uma terra pagã, encontrasse refúgio para o Redentor do mundo (No Deserto da Tentação, p. 23 [27, 28]).

PARA REFLETIR: Você dá a Satanás a oportunidade de influenciar a sua mente? Como você pode proteger a sua mente de influências malignas?
https://youtu.be/h6nvj8boPjo

MEDITAÇÃO DIÁRIA

15 de setembro
https://mais.cpb.com.br/meditacao/o-pequeno-rei/ 

Nenhum comentário:

JEOVÁ EMANUEL

  MEDITAÇÃO DIÁRIA 30 de setembro https://mais.cpb.com.br/meditacao/jeova-emanuel/ JEOVÁ EMANUEL O Senhor será Rei sobre toda a Terra. Naque...