quarta-feira, 1 de junho de 2022

O VISITANTE CELESTIAL

 O VISITANTE CELESTIAL 

Todos ficaram possuídos de temor e glorificavam a Deus, dizendo: “Grande profeta se levantou entre nós. Deus visitou o Seu povo.” Lucas 7:16

Há uma obra para todos que abrirem a porta do coração ao Visitante celestial. O Senhor da glória, que nos redimiu pelo próprio sangue, quer entrar. Com muita frequência, porém, não O recebemos de bom grado. O mundanismo não nos inclina a abrir a porta do coração diante das batidas Daquele que quer entrar. Alguns abrem levemente a porta e permitem que um pouco da luz de Sua presença entre, mas não Lhe dão as boas-vindas com alegria. Não há espaço para Jesus. O lugar que deveria ser reservado para Ele é ocupado por outras coisas. Ele suplica e, por um tempo, essas pessoas sentem-se dispostas a dar ouvidos e abrir a porta. Mas até mesmo essa disposição desaparece, e deixam de manter com o Convidado celestial a comunhão que teriam o privilégio de cultivar.

“Eis que estou à porta e bato” (Ap 3:20a) – diz o Salvador. As mansões na glória pertencem a Ele, bem como a alegria das moradas celestiais. Contudo, Ele humildemente pede entrada à porta do coração para nos abençoar com a Sua luz e nos fazer regozijar na Sua glória. Sua obra é buscar e salvar quem está perdido e pronto a perecer. Ele redimirá do pecado e da morte todos que se aproximarem Dele e os elevará ao Seu trono, a fim de lhes conceder a vida eterna.

Jesus não força a porta do coração. Nós devemos abri-la e mostrar que desejamos a Sua presença, dando-Lhe sinceras boas-vindas. Se todos fizessem o trabalho completo de jogar fora o lixo do mundo e preparar um lugar para Jesus, Ele entraria e habitaria com eles, operando uma grande obra por intermédio deles para a salvação dos outros. Mas muitos não aceitam as provas de misericórdia e a longanimidade divina com o coração agradecido. Não concentram as suas energias para unir os interesses à obra do Senhor e não compartilham da bênção que Ele está esperando para derramar.

“Se alguém ouvir a Minha voz” – diz Cristo – “e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, Comigo” (Ap 3:20b). Essas palavras não se dirigem simplesmente aos mais inteligentes e refinados, mas a todos, sem acepção de pessoas (The Signs of the Times, 10 de fevereiro de 1887).

PARA REFLETIR: A abertura do coração a Jesus é algo que cada um de nós necessita fazer antes que Ele possa entrar. Quais áreas do seu coração ainda estão fechadas para Jesus?

MEDITAÇÃO DIÁRIA

1 de junho

https://mais.cpb.com.br/meditacao/o-visitante-celestial/

Nenhum comentário:

O AUXILIADOR INFINITO

O AUXILIADOR INFINITO Grande é o Senhor nosso e mui poderoso; o Seu entendimento não se pode medir. Salmo 147:5 Muitos supõem que a religião...