domingo, 3 de outubro de 2021

Encruzilhadas Da Vida

 Meditação Diária

3 de outubro, domingo

ENCRUZILHADAS DA VIDA

   Se quiserdes e Me ouvirdes, comereis o melhor desta terra. Mas, se recusardes e fordes rebeldes, sereis devorados à espada. Isaías 1:19, 20

   Hoje desejo chamar sua atenção para uma pequena palavra com grandes implicações. Trata-se da conjunção “se”, que, entre outros usos, exprime a ideia de condição. Por exemplo: “Se você estudar, aprenderá.”

   Dois homens esbarraram um no outro numa estação ferroviária na Áustria. Um deles era alcoólatra e estava pedindo dinheiro para comprar uma garrafa de vinho. O outro lhe perguntou como ele havia chegado àquela situação. O pedinte respondeu que, desde o começo, a vida lhe havia sido cruel. Sua mãe tinha morrido quando ele era criança, e seu pai era muito violento com ele e seus irmãos. Então começou a Primeira Guerra Mundial, e a família se separou. “Veja”, disse ele, “eu nunca tive escolha. Se tivesse crescido como eu, você também estaria nesta condição.”

   O outro homem respondeu: “Isto é muito estranho. Minha infância foi muito semelhante à sua. Eu também perdi minha mãe quando era criança. Meu pai era um homem brutal, e batia sem piedade em mim e em meus irmãos. A guerra também me separou de minha família. Entretanto, eu achei que devia superar essas circunstâncias em vez de ser derrotado por elas.”

   Os dois homens continuaram conversando e fizeram uma descoberta extraordinária: eram irmãos de sangue, separados pela guerra! Procediam de circunstâncias idênticas, mas um deles se tornou bem-sucedido, enquanto o outro, um fracassado.

  Deus nos deu o poder de escolha para todas as situações, e isso inclui escolher Cristo ou rejeitá-Lo. A Bíblia está repleta de exemplos de encruzilhadas na vida de seus personagens, os quais tiveram de optar quanto ao caminho a seguir. Elias disse ao povo: “Até quando vocês vão ficar em dúvida sobre o que vão fazer? Se o Senhor é Deus, adorem o Senhor; mas, se Baal é Deus, adorem Baal!” (1Rs 18:21, NTLH). Moisés expôs claramente as duas opções que Israel tinha, bem como suas respectivas consequências: “Se guardares o mandamento que hoje te ordeno, [...] então, viverás e te multiplicarás [...]. Porém, se o teu coração se desviar, [...] certamente perecerás” (Dt 30:16-18). Jesus advertiu: “Se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis” (Lc 13:5).

  Quando você chegar a uma encruzilhada na estrada da vida, opte por aquela que o conduzirá a Deus e aos portais eternos.

Rubem Scheffel, 21/12/2010

Nenhum comentário:

O homem que não sai de cena

  MEDITAÇÃO DIÁRIA 24 de outubro, domingo O HOMEM QUE NÃO SAI DE CENA Ele, porém, começou a praguejar e a jurar: Não conheço esse homem de q...