terça-feira, 1 de dezembro de 2020

''O POVO PERECE” Jeremias 36

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse 

Leitura Bíblica - Jeremias 36

Comentário Pr Heber Toth Armí 

Ignorantes deixam o certo por preferirem o errado, superficiais ignoram a verdade por gostarem mais da mentira, crentes sem o verdadeiro Espírito Santo preferem ouvir pregadores charlatães antes que pregadores com mensagens de Deus.

Hernandes Dias Lopes avalia nossa triste realidade:

Há muitas pessoas que “correm atrás de ilusões, e não da verdade. Buscam respostas para seus dramas em pretensos homens inspirados, em vez de buscarem a eterna e infalível Palavra de Deus. Multiplicam-se os gurus espirituais nos redutos chamados evangélicos. Pessoas desprovidas de entendimento espiritual, analfabetas das Escrituras, oferecem aos famintos a palha de seus sonhos, visões e revelações. Por falta de conhecimento, o povo perece”.

Atualmente, a mensagem bíblica tem sido filtrada pela conveniência do pregador que almeja agradar ao pecador a fim de se tornar apreciado, aclamado e obter reconhecimento das massas. Se a mensagem não fosse diluída, muitos pregadores seriam desprezados, assim como Jeremias e Baruque.

• No quarto ano de Jeoiaquim, Baruque escreveu as profecias de origem divina que Jeremias lhe ditou (vs. 1-8).

• No ano seguinte, Baruque as leu publicamente num dia de jejum – mas, infelizmente não houve reavivamento (vs. 9-12).

• Logo depois ter lido ao povo a Palavra de Deus, Baruque leu a mesma mensagem profética aos líderes do povo de Deus. Os quais apoderaram-se do rolo (vs. 13-20).

• A mensagem rapidamente chegou ao rei Jeoiaquim, que, nem mesmo deixou terminar a leitura, cortou o rolo com canivete, queimou a profecia, e ainda ordenou a prisão do profeta e seu escriba. Porém Deus providenciou escape a eles (vs. 21-26).

• Após as Palavras de Deus virarem cinzas, Baruque as reescreveu com acréscimos, visando ampliar e melhorar o texto sob a regência e supervisão de Jeremias. Mas, não sem dar uma palavra dura (vs. 27-32).

Observações:

“Inspiração” não significa “ditado”. Profetas proferem palavras de Deus, mas não as recebem por ditado. A mensagem inspirada pode ser ditada para que um escriba as escreva.

Outra coisa, pessoas incrédulas não aceitam o que a Bíblia diz; pois, colocam suas próprias opiniões acima das revelações de Deus.

Finalmente, a rejeição à revelação de Deus resulta na retirada da proteção e das bênçãos divinas, deixando vulnerável a entrada de todo tipo de maldições.

Portanto, valorizemos a Palavra de Deus! Vale a pena! – Heber Toth Armí.

 #ebiblico #rpsp #palavraeficaz

Nenhum comentário:

O poder das palavras no lar

  MEDITAÇÃO DIÁRIA Sexta-feira, 22 de janeiro O poder das palavras no lar E vós, pais, não provoqueis vossos filhos à ira, mas criai-os na d...