Translate

domingo, 19 de janeiro de 2020

Palavra de Honra

MEDITAÇÃO DIÁRIA
  • 19 de janeiro
PALAVRA DE HONRA

Eis que estou convosco todos os dias, até a consumação do século. Mateus 28:20

Escocês de Glasgow, onde nasceu em 19 de março de 1813, David Livingstone sentiu, aos 21 anos, o chamado divino para ser missionário. Preparou-se, estudando grego, medicina e teologia, e foi para a África, em 1841. Casando-se quatro anos mais tarde com Mary Moffat, filha de missionários, ele se entregou com dedicação singular à missão de evangelizar aquele continente. Não se deixou intimidar pelos perigos que o rondavam constantemente nem pelo enfraquecimento da própria saúde.

Tempos atrás, em uma palestra impressa, li que na página de seu diário, escrita em 14 de janeiro de 1856, está revelado o segredo da força que o movia: “Senti muita perturbação de espírito, ao saber da possibilidade de ter todos os meus planos para o bem desta grande região e desta população imensa desfeitos pelos selvagens amanhã. Mas li que Jesus disse: ‘É-me dado todo o poder no Céu e na Terra. Portanto, vão e ensinem todas as nações […] e eis que estou com vocês todos os dias, até a consumação dos séculos.’ Essa é a palavra de um Cavalheiro da mais estrita e sagrada honra, e assim está o assunto encerrado. Eu não me retirarei furtivamente esta noite, como planejava. Deveria um homem como eu fugir?”

Por ocasião de uma homenagem recebida na Universidade de Glasgow, Livingstone se apresentou debilitado pelas diversas crises de malária e com o braço esquerdo pendendo do ombro sem controle – fruto do ataque de um leão. Então, disse: “Eu volto sem temor e com grande alegria. Querem saber o que me sustentou durante todos esses anos de exílio entre gente cuja língua eu não podia entender, e cuja atitude para comigo era sempre incerta e, com frequência, hostil? Foi isto: ‘estou com vocês, todos os dias’. Nessas palavras eu arrisquei tudo, e elas nunca falharam.”

Nossa lista de desafios é imensa. Alguns deles estão relacionados a ideais e planos que estabelecemos; outros nos são impostos pela vida ou por consequência do pecado. Graças a Deus, podemos enfrentá-los com serenidade e confiança. Não estamos sozinhos. Ele mesmo prometeu estar conosco, haja o que houver, dosando provações, contrabalançando perdas e ganhos, fortalecendo, animando, ensinando lições que necessitamos aprender de cada situação vivida, apontando caminhos seguros e, algumas vezes, soluções até milagrosas. Alguém cuja palavra tem a marca “da mais estrita e sagrada honra” jamais falhará. Confie!

Meditações Matinais - De Coração a Coração, Zinaldo A. Santos
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis