quinta-feira, 5 de dezembro de 2019

Profecias

A Fé Pela Qual Eu Vivo
5 de dezembro
Profecias


Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo. Apoc. 1:3.

Do surgimento e queda das nações conforme expostos nos livros de Daniel e Apocalipse, precisamos aprender quão sem valor é a glória meramente terrena e externa. Babilônia, com todo o seu poder e magnificência, como nosso mundo jamais contemplou igual – poder e magnificência que ao povo daquele tempo pareciam estáveis e permanentes – quão completamente passou. “Como a flor da erva” (Tia. 1:10), pereceu. Assim pereceu o reino da Medo-Pérsia, e os reinos da Grécia e de Roma. E assim perece tudo o que não tem a Deus por fundamento. Apenas o que está vinculado ao Seu propósito, e expressa Seu caráter, pode perdurar. Seus princípios são a única coisa firme que o nosso mundo conhece. Profetas e Reis, pág. 548.

Quando os livros de Daniel e Apocalipse forem bem compreendidos, terão os crentes uma experiência religiosa inteiramente diferente. Ser-lhes-ão dados tais vislumbres das portas abertas do Céu que o coração e a mente se impressionarão com o caráter que todos devem desenvolver a fim de alcançar a bem-aventurança que deve ser a recompensa dos puros de coração.

O Senhor abençoa a todo aquele que com humildade e mansidão, procura compreender o que está revelado no Apocalipse. Este livro fala tanto acerca da imortalidade e da glória, que todos os que o lêem e pesquisam fervorosamente recebem as bênçãos prometidas àqueles “que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas”. Apoc. 1:3.

Uma coisa compreender-se-á certamente do estudo de Apocalipse – que a ligação entre Deus e Seu povo é íntima e decidida. Testemunhos Para Ministros, pág. 114.

Demos mais tempo ao estudo da Bíblia. Não compreendemos a Palavra como devemos. O livro de Apocalipse abre com uma ordem para compreendermos a instrução que ele contém. … Quando … compreendermos o que este livro para nós significa, ver-se-á entre nós grande reavivamento. Testemunhos Para Ministros, pág. 113.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959 – Pág. 345

Nenhum comentário:

Na Casa do Pai

  MEDITAÇÃO DIÁRIA 20 de outubro Na Casa do Pai Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Ca...