terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Preparo Para a Trasladação

A Fé Pela Qual Eu Vivo
10 de dezembro
Preparo Para a Trasladação

Pela fé, Enoque foi trasladado para não ver a morte e não foi achado, porque Deus o trasladara, visto como, antes da sua trasladação, alcançou testemunho de que agradara a Deus. Heb. 11:5.

Vivemos em um século mau. Adensam-se ao redor de nós os perigos dos últimos dias. Por se multiplicar a iniquidade, esfria o amor de muitos. Enoque andou com Deus trezentos anos. Agora a brevidade do tempo parece ser insistentemente apresentada como razão para buscar a justiça. Deveria ser necessário que os terrores do dia de Deus sejam postos diante de nós a fim de nos compelirem a fazer o que é direito? Temos diante de nós o caso de Enoque. Centenas de anos andou ele com Deus. Vivia em um século corrupto, quando a contaminação pululava em torno dele; todavia Enoque exercitou seu espírito na devoção, no amor da pureza. Sua conversa era sobre coisas celestes. Educou a mente em seguir esse ensino, e apresentava em si o cunho do divino. Sua fisionomia iluminava-se com a luz que irradiava da face de Jesus.

Enoque tinha tentações como nós. Estava cercado de uma sociedade que não era mais simpática à justiça do que aquele que nos rodeia. A atmosfera que ele respirava estava impregnada de pecado e corrupção, da mesma maneira que a nossa; todavia viveu uma vida de santidade. Não se contaminou com os pecados dominantes na época em que vivia. Assim vivamos nós puros e incontaminados. Ele foi um representante dos santos que vivem entre os perigos e as corrupções dos últimos dias. Por sua fiel obediência a Deus foi ele trasladado. Assim, também, os fiéis que estão vivos e permanecem, serão trasladados. Serão transferidos de um mundo pecaminoso e corrupto para as puras alegrias do Céu. Testimonies, vol. 2, págs. 121 e 122.

A trasladação de Enoque para o Céu, pouco antes da destruição do mundo pelo dilúvio, representa a trasladação de todos os justos vivos da Terra antes da sua destruição pelo fogo. Os santos serão glorificados na presença daqueles que os odiaram por sua leal obediência aos justos mandamentos de Deus. História da Redenção, pág. 61.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959 – Pág. 350

Nenhum comentário:

Deus nos preserva - Salmos 124

Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse  Leitura Bíblica – Salmos 124 Comentário: Pr. Heber Toth Armí Em toda e qualquer situação com...