Translate

domingo, 30 de junho de 2019

O Início da Vida Eterna

A Fé Pela Qual Eu Vivo
30 de junho
O Início da Vida Eterna


E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está em seu Filho. Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida. 1João 5:11 e 12

Jesus declarou: “Eu sou a ressurreição e a vida.” Em Cristo há vida original, não emprestada, não derivada. “Quem tem o Filho tem a vida” (1João 5:12). A divindade de Cristo é a certeza de vida eterna para o crente. “Quem crê em Mim”, disse Jesus, “ainda que esteja morto viverá; e todo aquele que vive, e crê em Mim, nunca morrerá” (João 11:25 e 26). […]

Para o crente a morte não é senão de pouca importância. Cristo fala dela como se fora de pouco valor. “Se alguém guardar a Minha palavra, nunca verá a morte”, “nunca provará a morte” (João 8:51 e 52). Para o cristão a morte não é mais que um sono, um momento de silêncio e escuridão. A vida está escondida com Cristo em Deus, e “quando Cristo, que é a nossa vida, Se manifestar, então também vós vos manifestareis com Ele em glória” (Colossenses 3:4) (O Desejado de Todas as Nações, págs. 530 e 787).

Ele próprio, prestes a morrer na cruz, […] vencedor do sepulcro, … afirmou Seu direito e poder de dar vida eterna (O Desejado de Todas as Nações, pág. 530).

“Eu o ressuscitarei no último dia.” Cristo tornou-Se uma mesma carne conosco, a fim de nos podermos tornar um espírito com Ele. É em virtude dessa união que havemos de ressurgir do sepulcro – não somente como manifestação do poder de Cristo, mas porque, mediante a fé, Sua vida se tornou nossa. Os que veem a Cristo em Seu verdadeiro caráter, e O recebem no coração, têm vida eterna. É por meio do Espírito que Cristo habita em nós; e o Espírito de Deus, recebido no coração pela fé, é o princípio da vida eterna (O Desejado de Todas as Nações, pág. 388).

Jesus clama ainda: “Se alguém tem sede, venha a Mim, e beba.” “Quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida” (Apocalipse 22:17). “Aquele que beber da água que Eu lhe der, nunca terá sede, porque a água que Eu lhe der se fará nele uma fonte d’água que salte para a vida eterna” (João 4:14) (O Desejado de Todas as Nações, pág. 454).

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959 – Pág. 185
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis