quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Maravilhoso Jesus I Coríntios 15:19


Homens miseráveis

Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens. 1 Coríntios 15:19, ARC.

Lembro-me bem de uma carta ao editor da revista Time há vários anos. O escritor disse que tinha crescido na China, filho de missionários. Quando criança acalentava o sonho de andar pelas ruas de ouro na Nova Jerusalém e comer da árvore da vida. Mas todas essas idéias tinham ficado para trás, disse ele. Ele não mais acreditava na vida após a morte – essa vida é tudo que temos, e ela é suficiente.

Quem sabe o que aconteceu no coração do escritor que o levou a passar da crença para a descrença. E que nota triste com a qual terminar a existência!

Paulo o teria confrontado. Se essa vida é tudo que temos, Paulo disse, dentre todas as pessoas somos os mais dignos de lástima. Pois então teríamos acreditado em uma mentira. Teríamos dado a vida para proclamar uma mentira.

Logo a seguir, no entanto, Paulo afirma: "Mas, de fato, Cristo ressuscitou dentre os mortos, sendo ele as primícias dos que dormem. Visto que a morte veio por um homem, também por um homem veio a ressurreição dos mortos. Porque, assim como, em Adão, todos morrem, assim também todos serão vivificados em Cristo" (1 Coríntios 15:20-22).

"De fato, Cristo ressuscitou dentre os mortos" Aqui está a diferença! A questão da vida após a morte não é uma questão abstrata para ser debatida. Não pode ser provada, ou refutada pela lógica. Um grande fato responde a essa pergunta para sempre – Cristo ressuscitou dentre os mortos!

Ocasionalmente você ouvirá cristãos dizendo: "Mesmo se não houvesse uma vida futura, crer em Jesus somente nesse mundo já valeria a pena" Essa é uma verdade apenas parcial. Sim, seguir a Cristo nessa vida dá-nos uma existência mais plena e gratificante. Cada orientação que Ele nos deixou é para o nosso bem – a fim de nos tornar mais saudáveis, mais felizes. Mas precisamos ouvir a Paulo mais uma vez: "Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens".

Por quê? Porque uma sombra sempre cruza nossas experiências mais felizes. Mesmo no meio da vida estamos na morte.

Deus nos fez para a grandeza – para viver para sempre com Ele. Ele colocou a eternidade em nossos corações, ansiamos pela imortalidade. A morte ainda é o último inimigo.

Mas temos esperança em Cristo, não somente nesta vida. Como Ele ressuscitou, vencendo a
morte, sabemos que nEle viveremos eternamente. Essa realidade faz de nós as pessoas mais felizes.

ORAÇÃO

Senhor da ressurreição, obrigado por teres me criado para a grandeza. Fortalece em mim hoje o desejo de passar a eternidade ao Teu lado.

Autor: William G. Johnsson

Nenhum comentário:

Hotel Abraão

  Devocional Diário Hotel Abraão Abraão plantou uma tamargueira em Berseba e invocou ali o nome do Senhor, o Deus Eterno. Gênesis 21:33 Um c...