terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Maravilhoso Jesus- Êxodo 12:13



O sangue nos umbrais das portas

O sangue será um sinal para indicar as casas em que vocês estiverem; quando eu vir o sangue, passarei adiante. A praga de destruição não os atingirá quando eu ferir o Egito.Êxodo 12:13 NVI


Houve pranto no Egito naquela noite. Por toda a terra, do palácio de Faraó à cabana do mais humilde funcionário, o primogênito de cada família jazia morto, ferido pelo anjo da morte.

Entretanto numa região do país não havia pesar – somente pressa e agitação ajuntando os poucos pertences para a longa caminhada. As tribos de Israel, que haviam habitado o Egito por centenas de anos e sido escravos por gerações estavam para partirem como homens e mulheres livres. Nenhum primogênito entre eles havia morrido. Quando o anjo da morte atravessou a terra em sua missão sinistra, ele viu o sangue nos umbrais e passou adiante.

Hoje os Judeus ainda celebram o festival da Páscoa. Eles comem o cordeiro assado com ervas amargas e pão sem fermento, de acordo com as orientações dadas a Moisés (Êxodo 12:8). Eles recontam a história de como seus ancestrais foram libertos da escravidão.

Jesus, na última noite de sua vida terrestre, comeu a Páscoa com Seus amigos e depois saiu para a Sua morte. Ele próprio era o Cordeiro Pascal. Assim como o cordeiro simbólico, Jesus era “sem defeito” (Êxodo 12:5), sem mancha de pecado. Assim como o sangue daquele cordeiro, o Seu sangue traz livramento.

Mas está o sangue nos umbrais? Deus fez provisão para os Israelitas no Egito; se eles matassem o cordeiro e colocassem o sangue sobre os umbrais, seriam poupados pelo anjo da morte. E Deus fez provisão para o mundo na pessoa do Seu filho, “o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (João 1:29). O seu sangue nos salva da morte eterna. O seu sangue nos liberta. Mas somente se o sangue estiver nos umbrais do nosso coração, somente se cada um de nós – individualmente, pessoalmente – o aceitar.
O sangue está nos umbrais?
ﻉﻸﻸﻉﺦﺦﻸﻸﻉﻉﻸﻸﻉﺦﺦﻸﻸﻉﻉﻸﻸﻉﺦﺦﻸﻸﻉ

ORAÇÃO

Jesus, Cordeiro de Deus, preciso desesperadamente de libertação de pensamentos e práticas ofensivas a Ti. Sei que o perdão e a transformação estão disponíveis graças ao Teu sangue derramado. Ajuda-me a Te aceitar como meu salvador. Amém.
Autor: William G. Johnsson

Nenhum comentário:

Imagens da igreja

  Devocional Diário  Vislumbres da eternidade  17 de julho https://mais.cpb.com.br/meditacao/imagens-da-igreja/ Imagens da igreja Ele é como...