sexta-feira, 24 de maio de 2024

Daniel 12 Comentário

  Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Daniel 12
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


DANIEL 12 – As predições bíblicas são extraordinárias! “As profecias que o grande EU SOU tem dado em Sua Palavra, unindo elo com elo na cadeia dos acontecimentos, da eternidade do passado à eternidade no futuro, dizem-nos onde estamos hoje na sucessão dos séculos, e o que se pode esperar no tempo por vir. Tudo o que a profecia tem predito que haveria de acontecer, até o presente, tem tomado lugar nas páginas da História, e podemos estar certos de que tudo quanto ainda está por suceder será cumprido no seu devido tempo” (EGW, PR, 536).

• Diante dos tenebrosos e terríveis acontecimentos do tempo do fim, Miguel, que é Cristo, assumirá visivelmente Seu papel de Defensor do povo de Deus. Antes da libertação, enfrentaremos um tempo de angústia sem precedentes, e este é um sinal de que Jesus está prestes a atuar em nosso mundo (Daniel 12:1).

• Em Daniel 12:2 temos uma revelação peculiar de uma ressurreição especial. Antes da ressurreição geral dos justos, ressuscitam alguns ímpios (Apocalipse 1:7) e também alguns justos, dentre eles, Daniel – ressuscitam para testemunhar todo o processo da vinda de Cristo (Daniel 12:13).

• O tempo do fim teve início em 1798, no fim do período de 1260 anos (Daniel 12:5-7). A partir desse tempo, as profecias de Daniel seriam destravadas, aumentando o conhecimento bíblico e profético. Os estudiosos (sábios) brilharão como as estrelas, compartilhando a mensagem de redenção e da vida terna ao mundo inteiro, mesmo em meio à duras provações e impiedades (Daniel 12:3-4, 8-10).

• O período de 1290 dias/anos vai da conversão de Clóvis, em 538 d.C. e a ascensão do poder político da Igreja Cristã Medieval até 1798, com a prisão do Papa Pio VI.

• O período de 1335 dias/anos começa no mesmo ponto, mas termina um pouco à frente, em 1843-1844, com um movimento de protestantes indo além do protestantismo tradicional. Surgiu com os adventistas um despertar do estudo profético que levou os piedosos cristãos ao entendimento da segunda vinda de Cristo iminente (Daniel 12:11-12).

Fica evidente que podemos ter certeza da intervenção de Cristo na História humana. Não estamos abandonados neste mundo tenebroso. A história chegará a um clímax, o bem vencerá... e, quem estiver totalmente comprometido com Cristo desfrutará da vitória final.

Então, reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
••••

Nenhum comentário:

Ovos contra pedras

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 18 de junho Ovos contra pedras Mesmo que o nosso ser exterior se desgaste, o nosso ser interio...