domingo, 5 de maio de 2024

Aqui, ao meu lado

 Devocional Diário

Aqui, ao meu lado

Que grande nação há que tenha deuses tão chegados a si como o Senhor, nosso Deus, todas as vezes que O invocamos? Deuteronômio 4:7

Existem pessoas que imaginam Deus dormindo sobre as nuvens, envolvido em lençóis de seda. De tão encoberta, a religião dessa gente mal permite que Deus seja percebido. Ali, em seu olimpo pessoal, o “deus marmota” repousa, letárgico, pois há pessoas que suspenderam suas crenças.

O Deus da Bíblia, porém, não é assim. Recorrendo à imagem de um pastor de ovelhas, o Salmo 23 descreve em poucas palavras a natureza carinhosa e próxima do Eterno. Davi O chama de “meu Pastor”, e não o faz porque fosse um empregado a Seu serviço em Sua fazenda. Davi diz “meu” porque entre ambos existe uma forte relação. Cabe esclarecer que não é apenas uma “conexão”, mas uma “relação”. Qual é a diferença? Uma conexão depende do trânsito de mensagens por algum canal de comunicação, enquanto uma relação traduz intimidade, cumplicidade e amizade. Davi tinha uma relação tão bonita com Deus que tal relação os tornava íntimos. Foi assim que ele descobriu que o Senhor gosta de nos dar o melhor (v. 2), de nos animar quando estamos tristes (v. 3, 4), de estar presente quando nos sentimos mal (v. 4) ou de criar bons ambientes quando as coisas se complicam (v. 5). Não é por outro motivo que Davi passava seu tempo na casa do Senhor (v. 6).

Deus participa de nossa vida, gostemos ou não. Ele não o faz por bisbilhotice, mas por nos amar e por gostar de Se relacionar conosco. Ele é um Deus tão chegado que O sentimos em nosso interior, em um permanente compartilhar de corações. Nosso Deus Se introduz por cada brecha que existe em nossa vida. Ele tem boca e fala, por isso somos constantemente motivados a ser pessoas de bem, seja por conselhos ou por exortações. Ele tem olhos e vê, por isso estamos constantemente sob Seu olhar, seja na alegria ou na tristeza. Ele tem ouvidos e ouve, por isso presta atenção às nossas palavras, seja por agradecimento, queixa ou petição. Ele é um Deus vital.

Ele sempre esteve ao meu lado, fazendo-me companhia nos momentos difíceis e felizes. Ele gosta de estender Seu braço sobre nossos ombros e passear conosco. Você se alegra com Sua companhia? Ele está aí, agora mesmo, ao seu lado.

Vislumbres da eternidade
5 de maio
https://mais.cpb.com.br/meditacao/aqui-ao-meu-lado/

Nenhum comentário:

Amigos para toda a vida

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 25 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/amigos-para-toda-a-vida/ Amigos para toda a vida ...