sexta-feira, 9 de junho de 2023

Salmos 34 Comentário:

  Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica – Salmos 34
Comentário: Pr. Heber Toth Armí


SALMO 34 – A busca pela aprovação de Deus e o refúgio de Sua presença são fundamentais para promover saúde plena. Ao confiarmos em Sua fidelidade, encontramos fortaleza para enfrentar adversidades e superar aflições que nos debilitam. A certeza da aprovação divina é bálsamo a nossa alma, aliviando-nos das cargas que nos afligem e impulsionando-nos a viver uma vida equilibrada e saudável.

Leia com oração e atenção ao Salmo 34. Note que a postura de confiança e gratidão diante de Deus têm implicações profundas e poderosas em nossa existência. Então, considere esta citação:

“A certeza da aprovação de Deus promove saúde física. Ela fortalece a pessoa contra a dúvida, perplexidade e excessiva tristeza, que tantas vezes consomem as forças vitais e levam às doenças nervosas de espécie muito debilitante e aflitiva. O Senhor empenhou Sua infalível palavra de que Seus olhos repousam sobre os justos e de que os Seus ouvidos estão abertos a suas súplicas, ao passo que Ele está contra todos os que praticam males. Colocamo-nos numa situação muito difícil quando seguimos uma conduta que coloca o Senhor contra nós” (Ellen White.

O Comentário Bíblico Adventista atesta que Davi, quem escreveu o Salmo em acróstico iniciando cada verso com uma letra do alfabeto hebraico, “mescla gratidão pessoal e ações de graças coletivas”. Além disso, afirma que “o tema do cuidado de Deus para com o aflito é apresentado de vários aspectos em vez de um desenvolvimento lógico sistemático”.

Inspirado pelo Espírito Santo, Davi nos inspira com as belíssimas palavras do Salmo, nos encorajando a buscar a aprovação de Deus, a confiar em Sua fidelidade e a refugiar-se em Sua presença.

Quando enfrentamos dúvidas, perplexidades, angústias, incertezas e excessivas tristezas, nossa saúde física e emocional são afetadas diretamente de forma negativa. Contudo, quando reconhecemos que os olhos do Senhor estão sobre os justos e que Ele está aberto às nossas súplicas, encontraremos alívio para nossas aflições (Salmo 34:1-11).

Por outro lado, quando seguimos uma conduta que coloca Deus contra nós, colocamo-nos em situação delicada. Desprezar a perfeita vontade de Deus e praticar males, além de nos afastar da aprovação de Deus, coloca-nos em aberto conflito contra Ele (Salmo 34:12-22).

Portanto, precisamos consagrar-nos a Deus e então reavivarmo-nos para desfrutarmos da bênção de Sua aprovação! – Heber Toth Armí.

#rpsp #ebiblico #palavraeficaz
•••••

Nenhum comentário:

As primeiras coisas

  Devocional Diário As primeiras coisas Aos filhos das concubinas que tinha, Abraão deu presentes. Gênesis 25:6 Dizem que Boston é a cidade ...