terça-feira, 2 de maio de 2023

O FOCO DA ADORAÇÃO

 O FOCO DA ADORAÇÃO

Ai de mim! Estou perdido! Porque sou homem de lábios impuros, e habito no meio de um povo de lábios impuros; e os meus olhos viram o Rei, o Senhor dos Exércitos! Isaías 6:5

Toda reunião de culto tem o ponto principal da adoração. Para alguns, o mais importante é agradar os crentes, os membros da igreja. Para outros, o mais importante é agradar os não convertidos que visitam a igreja. As estratégias de marketing dizem: “Agrade o cliente, faça tudo para que ele volte, fidelize.” Porém, de acordo com a Bíblia, o foco da adoração não é o ser humano com suas necessidades, seus desejos e anseios. A adoração está centralizada em Deus.

Em Isaías 6, lemos sobre um jovem profeta aflito. Deus o havia chamado para ser profeta, mas a situação de pecado e maldade do povo era tamanha, que ele estava pensando em desistir. Em sua angústia, foi ao templo para orar. Chegou o mais perto que podia do pórtico e, ao abrir o coração a Deus, foi tomado em visão. De repente, já não estava diante do templo de Salomão, mas dentro do templo celestial, onde está o trono de Deus. Ele teve o privilégio de presenciar a adoração do Céu. Ali estava o primeiro escalão do Universo, os anjos serafins, em adoração. O foco desse culto celestial estava em Deus. Isaías apenas observou. O que o profeta aprendeu sobre Deus o impactou profundamente. Ele se sentiu muito pequeno e pecador, e por isso disse: “Ai de mim! Estou perdido!” (v. 5). Após essa confissão, foi dito a ele: “A sua iniquidade foi tirada, e o seu pecado, perdoado” (v. 7).

Isaías fora ao templo com a intenção de falar a Deus que não queria mais ser profeta, mas ao escutar Deus perguntando: “A quem enviarei, e quem há de ir por Nós?”, ele se apressou em atender e clamou: “Eis-me aqui, envia-me a mim” (v. 8). O que ocasionou essa mudança? Ele mesmo respondeu: “Os meus olhos viram o Rei, o Senhor dos Exércitos!” Agora, com uma nova visão sobre quem Deus é, o desânimo desapareceu. Ele fora transformado ao participar de um culto em que Deus era a única atração. Você já passou por uma experiência semelhante? Pode dizer como Isaías: “Os meus olhos viram o Rei, o Senhor dos Exércitos”?

MEDITAÇÃO DIÁRIA

2 de maio
https://mais.cpb.com.br/meditacao/o-foco-da-adoracao/

Nenhum comentário:

Teoceno

  Devocional Diário Vislumbres da eternidade 24 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/teoceno/ Teoceno Nós, porém, segundo a promessa d...