sábado, 29 de abril de 2023

CUIDADO!

 CUIDADO!

Tenham cuidado para que ninguém venha a enredá-los com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo. Porque Nele habita corporalmente toda a plenitude da Divindade. Colossenses 2:8, 9

No ano 62 d.C., o pastor Epafras viajou para Roma. Precisava encontrar Paulo, a fim de receber orientação para enfrentar uma heresia que já havia afetado alguns irmãos da igreja de Colossos (Cl 1:7, 8; 4:12, 13). Ela ainda não tinha um nome, mas no segundo século seria conhecida como gnosticismo – do termo gnosis, que significa “conhecimento”. Esse falso ensino misturava o evangelho com o misticismo oriental e ideias judaicas.

O gnosticismo ensinava que Deus havia criado vários seres espirituais de diversas categorias, os quais tinham realizado a criação material e serviam de intermediários entre Ele e a humanidade. Cristo seria apenas um deles. Assim, o gnosticismo negava a encarnação, a divindade de Cristo e a redenção efetuada por Ele na cruz. Também afirmava que a salvação era obtida por meio de um conhecimento superior – alcançado só por uns poucos –, e não pela fé. Avaliava a matéria como má e incentivava o desprezo pelo corpo. Valorizava a prática de cerimônias e abstinências judaicas e o culto aos anjos. Essa heresia assediou a igreja por 150 anos. O Novo Testamento contém oito epístolas que buscam desmascará-la.

Então, guiado pelo Espírito de Deus, Paulo escreveu uma carta à igreja de Colossos, na qual combatia esses falsos ensinamentos e expunha a majestade de Cristo e a perfeição da redenção efetuada por Ele. Nela, o apóstolo declarou que em Jesus “temos a redenção, a remissão dos pecados”, que Ele “é a imagem do Deus invisível” e que “tudo foi criado por meio Dele e para Ele. […] Nele tudo subsiste. Deus achou por bem que […], por meio Dele, reconciliasse Consigo mesmo todas as coisas, quer sobre a Terra, quer nos Céus” (Cl 1:14-17, 19, 20).

Hoje, há muitos falsos ensinos com outros nomes e propostas atrativas. Alguns deles aparentando muita erudição, mas todos com o mesmo objetivo: afastar-nos do caminho de Deus. Cuidado! Escolha permanecer com Cristo e Seu puro evangelho. Assim você estará seguro. 

MEDITAÇÃO DIÁRIA

29 de abril

https://mais.cpb.com.br/meditacao/cuid

ado

https://youtu.be/0puB8n7pP2Q

Nenhum comentário:

Lecitina espiritual

DEVOCIONAL DIÁRIO - VISLUMBRES DA ETERNIDADE  27 de fevereiro Lecitina espiritual    Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Por isso,...