quarta-feira, 30 de novembro de 2022

2 Reis 8 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica - 2 Reis 8
Comentário
Pr Heber Toth Armí

II REIS 8 – Às vezes, os membros do povo de Deus são orientados a buscar refúgio em terras pagãs; pois, mesmo longe do território da Terra Prometida, é possível notar a atuação do Deus de Israel. É isso que a mulher sunamita experimentou quando a fome tomou conta do território israelita.

A fome era parte do julgamento de Deus, e a orientação à sunamita revela Seu cuidado com Seus filhos fieis (II Reis 8:1-6). Um desses cuidados foi ajeitar as coisas para que ela chegasse ao rei para pedir justiça diante de seus bens que foram confiscados, e Geazi acabara de testemunhar do que Eliseu havia feito por ela. Então, o rei fez justiça em prol dela.

Além da fome, ainda outro juízo divino viria para alertar de perigos ainda maiores. Neste capítulo, os dois reis do povo de Deus eram cunhados: Jeorão de Judá e Jorão de Israel. A família de Acabe exercia influência nos dois lados do povo de Deus (II Reis 8:16-29). Porém, nem mesmo laços familiares conseguiram unificar o reino que fora dividido com o quarto monarca israelita.

Juízos divinos serviriam para alertar o povo de futuras calamidades. Elias recebera missão especial de ungir Hazael rei da Síria (I Reis 19:15). Hazael destruiria futuramente a Israel. Isso fez com que o profeta Eliseu chorasse diante desse cidadão siro, cumprindo uma tarefa deixada por Elias.

Reflita:

• Às vezes Deus não nos permite saber o futuro porque nosso sofrimento aumentaria muito, choraríamos bem mais do que já choramos.

• Outras vezes, Deus não permite que saibamos o que acontecerá para que não usemos a informação de forma errada apressando o que iria acontecer. Hazael, grande político, soube seu futuro; e, em vez de render-se ao Deus de Eliseu, ele matou o Ben-Hadade para usurpar-lhe o trono.

• Podemos não entender o que Deus faz através de Seus profetas, mas isso não deve ser motivo para taxá-los de falsos ou rejeitá-los como não sendo enviados por Deus. Embora Eliseu soubesse de toda opressão que causaria Hazael a Israel, mesmo assim o ungiu para ser rei em Arã.

• Nossas incompreensões das razões divinas não servem para descartar um ministério orientado por Deus. Nossas incompreensões do que Deus faz só revelam nossas limitações. Precisamos confiar nEle!

Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.
#ebiblico #rpsp #palavraeficaz‌‌

Nenhum comentário:

A OBRA DE CRISTO NO CÉU

A OBRA DE CRISTO NO CÉU Tendo, pois, Jesus, o Filho de Deus, como grande Sumo Sacerdote que adentrou os Céus [...], aproximemo-nos do trono ...