segunda-feira, 24 de outubro de 2022

2 Samuel 17 Comentário

 Lendo a Bíblia de Gênesis a Apocalipse

Leitura Bíblica - 2 Samuel 17
Comentário
Pr Heber Toth Armí

II SAMUEL 17 – Polarização política não é algo novo. Começou no Céu, com Lúcifer seduzindo um terço dos anjos a se posicionarem contra Deus. As forças malignas conquistam aliados inclusive dos santos anjos celestiais.

Uma polarização caracterizou a política de Israel na época de um dos seus melhores reis. Aliás, a tensão política reinava entre pai e filho, Davi e Absalão – no seio da família real.

Obviamente, “na perspectiva bíblica, não há razão para grande otimismo com a política. Afinal, assim como todo ser humano, os políticos estão contaminados pelo DNA do amor ao poder e dos interesses próprios; todos pecaram e estão destituídos da glória divina. Não há nem mesmo um que seja perfeito em todos os seus caminhos”, afirma veementemente Marcos De Benedicto.

Nem mesmo Davi fez tudo certo, mesmo considerado o homem segundo o coração de Deus; aliás, ele submergiu nas vergonhosas consequências de suas práticas perversas. Analisando a história do rei Davi, dos reis de Israel e dos políticos da história mundial, devemos considerar algo mais que um líder humano para resolver nossa situação.

A esperança de um governo melhor aqui no mundo pode levar-nos à decisões equivocadas; nisso reside as polarizações políticas.

Apesar da fama, da influência e dos fortes aliados a Absalão, filho do rei Davi, que orquestrava a usurpação do trono do pai, Husai permaneceu leal a Davi. Em sua rebelião, Absalão já havia organizado suas tropas e declarara rei de Israel (II Samuel 15:9-10). Davi fugiu, mas Husai ficou como agente secreto fingindo estar com Absalão.

Husai e Davi orquestraram um plano com os filhos dos sacerdotes Zadoque e Abiatar, para enviar mensagens a Davi sobre as estratégias de Absalão e Aitofel (II Samuel 15:3-36). II Samuel 17 apresenta Husai seguindo à risca o acordo com Davi.

“Na narrativa desses acontecimentos, o escritor de II Samuel deixa bem claro que Husai era usado pelo Senhor, para assegurar a restauração de Davi ao trono e garantir a destruição de Absalão (II Samuel 17:14). Os planos de Deus para a dinastia de Davi, que finalmente culminariam com o advento do Messias, não podiam ser atrapalhados”, comentou Paul Gardner.

Nossa confiança política deve ir além dos políticos: Deve ser depositada no Soberano do Universo. Ele é absolutamente confiável! Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.
#ebiblico #rpsp #palavraeficaz‌‌

Nenhum comentário:

A PUREZA INFINITA

  A PUREZA INFINITA E todo o que tem essa esperança Nele purifica a si mesmo, assim como Ele é puro. 1 João 3:3 Ao terminar o discurso, Jesu...