segunda-feira, 20 de junho de 2022

O PILOTO DIVINO

 O PILOTO DIVINO

   Quem é este que até os ventos e o mar Lhe obedecem? Mateus 8:27

   Todo navio que navega no mar da vida precisa ter a bordo o Piloto divino; mas quando surgem tempestades, quando a tormenta é ameaçadora, muitas pessoas lançam de bordo o Piloto e entregam a embarcação aos cuidados do ser humano finito, ou procuram dirigi-la por si mesmos. Então seguem-se geralmente a ruína e o naufrágio, e o Piloto é condenado por conduzi-los a águas tão perigosas. Não se entreguem à proteção humana, mas digam: “O Senhor é meu ajudador; buscarei Seu conselho; serei cumpridor de Sua vontade.” Todas as vantagens que acaso vocês possuem não podem beneficiá-los, nem a mais alta educação habilitá-los a ser condutos de luz, a menos que tenham a cooperação do divino Espírito. É impossível para nós receber habilitações da parte humana sem a iluminação divina, como era aos deuses do Egito livrar os que neles confiavam. Os alunos não devem julgar que toda sugestão para prolongarem os estudos esteja em harmonia com o plano de Deus. Levem toda sugestão ao Senhor em oração e busquem diligentemente Sua orientação, não apenas uma vez, mas repetidamente. Supliquem a Ele até que estejam convencidos de que o conselho provém de Deus ou de seres humanos. Não coloquem sua confiança nas pessoas. Ajam sob a direção do Guia divino.


   Vocês foram escolhidos por Cristo. Foram resgatados pelo precioso sangue do Cordeiro. Apresentem diante de Deus a eficácia desse sangue. Digam-Lhe: “Sou Teu pela criação; sou Teu pela redenção. Respeito a autoridade humana e o conselho de meus irmãos; mas não posso confiar inteiramente neles. Desejo que me ensines, ó Deus. Fiz Contigo o concerto de adotar o divino padrão de caráter e que faria de Ti meu conselheiro e guia, um participante de todos os planos de minha vida. Portanto, ensiname.” Que a glória do Senhor seja sua principal consideração. Reprimam todo desejo de distinção mundana, toda ambição de obter o primeiro lugar. Incentivem a pureza e santidade de coração, para que possam representar os verdadeiros princípios do evangelho. Que todo ato de sua vida seja santificado pelo sagrado empenho de fazer a vontade do Senhor, para que sua influência não conduza os outros a caminhos proibidos. Quando Deus é o dirigente, Sua justiça irá adiante de vocês, e a glória do Senhor será sua retaguarda (Fundamentos da Educação Cristã, p. 348, 349).

   PARA REFLETIR: Como a desconfiança do eu afeta a imagem que você tem de si mesmo como cristão?

MEDITAÇÃO DIÁRIA

20 de junho

Nenhum comentário:

O SOBERANO DO CÉU

   O SOBERANO DO CÉU Eu e o Pai somos um. João 10:30 Todo o Céu se alegrava em refletir a glória do Criador e celebrar Seu louvor. Enquanto ...