domingo, 3 de abril de 2022

O ANJO DO CONCERTO

 O ANJO DO CONCERTO

Então o Anjo do Senhor lhe apareceu e lhe disse: “O Senhor está com você, homem valente.” Juízes 6:12

Gideão desejou um sinal de que Aquele que Se dirigia a ele era o Anjo do Concerto que, nos tempos passados, havia agido em favor de Israel. […] Correndo para sua tenda, e com o pouco alimento que tinha, preparou um cabrito e pães sem fermento; depois os trouxe e colocou diante Dele. Mas o Anjo ordenou-lhe: “Pegue a carne e os pães sem fermento e coloque-os sobre esta rocha. Depois, derrame o caldo em cima” (Jz 6:20). Gideão obedeceu à ordem e recebeu o sinal que desejava: com o cajado na mão, o Anjo tocou a carne e os pães sem fermento. Uma chama subiu da rocha e consumiu o sacrifício. Depois o Anjo desapareceu.

O pai de Gideão, Joás, que partilhava da apostasia de seus compatriotas, tinha construído em Ofra, onde morava, um grande altar a Baal. Foi ordenado a Gideão que destruísse esse altar e erguesse outro a Jeová, sobre a rocha em que a oferta havia sido consumida, e ali apresentasse um sacrifício ao Senhor. A oferta de sacrifício a Deus fora confiada aos sacerdotes e restringira-se ao altar em Siló; mas Aquele que tinha estabelecido o culto ritual, e para quem todas as ofertas daquele culto apontavam, tinha poder para mudar suas regras. […] Gideão devia declarar guerra contra a idolatria, antes de sair para a batalha contra os inimigos de seu povo.

Gideão sabia que encontraria oposição se fizesse aquilo de forma pública; por isso, realizou o trabalho em segredo. Com o auxílio de seus servos, fez tudo em uma noite. Os moradores de Ofra ficaram furiosos quando chegaram para fazer sua devoção a Baal na manhã seguinte. Se Joás – que havia sido informado sobre a visita do Anjo – não tivesse defendido seu filho, teriam tirado a vida de Gideão. “Vocês querem defender a causa de Baal?”, disse Joás. “Vocês querem livrá-lo? Quem defender a causa dele será morto ainda esta manhã” (Jz 6:31). […] Se Baal não tinha sido capaz de defender o próprio altar, como seus adoradores poderiam confiar nele para protegê-los? Todos os pensamentos de violência para com Gideão se dissiparam. E quando ele fez soar a trombeta de guerra, os homens de Ofra estavam entre os primeiros a se reunirem sob sua bandeira. Foram enviados arautos à sua própria tribo de Manassés e também para Aser, Zebulom e Naftali, e todos responderam ao apelo (Patriarcas e Profetas, p. 481, 482 [547, 548]).

PARA REFLETIR: Como você reage aos membros da sua família que vivem em oposição à vontade de Deus?

MEDITAÇÃO DIÁRIA

03 de abril

https://mais.cpb.com.br/meditacao/o-anjo-do-concerto////

Nenhum comentário:

A PEDRA FUNDAMENTAL

  MEDITAÇÃO DIÁRIA 18 de maio https://mais.cpb.com.br/meditacao/a-pedra-fundamental/ A PEDRA FUNDAMENTAL Eis a Rocha! Suas obras são perfeit...