quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

*Maravilhoso Jesus- Lucas 2:19


O poder das orações de uma mãe
Maria, porém, guardava todas essas coisas e sobre elas refletia em seu coração. Lucas 2:19 NVI
Tenho a impressão de que as orações de uma mãe encontram um lugar especial no coração de Deus. Ouvi uma mãe suplicando ao trono de Deus com lágrimas, e fui tocado. Se suas orações me sensibilizaram, quanto mais o coração de um amoroso Pai celestial!
Maria refletia sobre o comportamento do seu primogênito. As Escrituras nos dizem que ela guardava no coração as palavras e eventos que apontavam para o mistério de Jesus (Lucas 2:19, 51). Ela sabia que o filho, carne da sua carne, estava destinado para a grandeza no plano de Deus – mas que o caminho para a grandeza seria marcado pela tragédia. Quando ela levou o seu garoto de 8 anos ao Templo o idoso Simeão lhe disse: “uma espada atravessará a sua alma” (Lucas 2:35).
Ela viu o filho tornar-se um homem – e continuava a se maravilhar. Ela o conhecia como qualquer outra mãe conhece o filho – e, no entanto, ela não podia compreender como as predições de grandeza e tragédia se cumpririam.
Quando o vinho acabou, na festa de casamento em Caná, ela veio até Ele conclamando-O a agir: “Eles não têm mais vinho”.
“Querida mulher, porque você me envolve?”, Ele replicou, numa gentil reprovação. “A minha hora ainda não chegou” (Lucas 2:3,4 New International Version)
Maria viu seu filho alcançar a grandeza. Viu as multidões se aglomerarem para ouvi-Lo e tocá-Lo. Ela o viu entrar em Jerusalém cavalgando triunfalmente como o Messias de Israel.
E ela o viu cravado à cruz. Estava por perto quando Ele exalou Seu último suspiro.
Costumamos falar sobre a vida de oração de Jesus; o que dizer das orações de Maria – por ele?
Amigo, você chora quando ora por seu filho ou filha?
Escute a Palavra de Deus. “Assim diz o Senhor: ‘Ouve-se uma voz em Ramá, lamentação e amargo choro; é Raquel, que chora por seus filhos e recusa ser consolada, porque os seus filhos já não existem’. Assim diz o Senhor: ‘Contenha o seu choro e as suas lágrimas, pois o seu sofrimento será recompensado’, declara o Senhor. ‘Eles voltarão da terra do inimigo’” (Jeremias 31:15, 16 NVI).



ORAÇÃO
Querido Deus. Agradeço-te pelas orações de minha mãe. Muito do que sou devo aqueles braços que me acolheram, àquelas súplicas fervorosas por mim. Benditas sejam as mães, instrumentos do Senhor. Amém.

Autor: William G. Johnsson

Nenhum comentário:

Imagens da igreja

  Devocional Diário  Vislumbres da eternidade  17 de julho https://mais.cpb.com.br/meditacao/imagens-da-igreja/ Imagens da igreja Ele é como...