quinta-feira, 22 de abril de 2021

SANTIFICAÇÃO

 MEDITAÇÃO DIÁRIA

Quinta-feira, 22 de abril

SANTIFICAÇÃO

Ora, Àquele que é poderoso para vos guardar de tropeços e para vos apresentar com exultação, imaculados diante da Sua glória. Judas 24

Há uma obra real a ser feita em nós. Constantemente precisamos submeter nossa vontade à de Deus, nosso método ao Dele. Nossas ideias peculiares lutarão constantemente pela supremacia, mas devemos fazer a Deus tudo em todos. Não estamos livres das falhas da humanidade, porém devemos constantemente lutar para ser livres dessas falhas, não para sermos perfeitos aos próprios olhos, mas perfeitos em toda boa obra. Não devemos nos deter no lado escuro. Nossa mente não deve se fixar no eu, mas Naquele que é tudo em todos.

Por contemplar como por um espelho a glória do Senhor devemos realmente ser transformados à mesma imagem, de glória em glória, como se pelo Espírito do Senhor. Esperamos muito pouco e recebemos segundo nossa fé. Não devemos nos apegar a nossos métodos, planos e ideias. Devemos ser transformados pela renovação de nossa mente para que possamos provar qual seja a boa, aceitável e perfeita vontade de Deus. Pecados persistentes devem ser vencidos, e maus hábitos, superados. Disposições e sentimentos errôneos devem ser arrancados pela raiz, e santos temperamentos e santas emoções devem se apossar de nós pelo Espírito de Deus.

A Palavra de Deus ensina explicitamente isso, mas o Senhor não pode operar em nós o querer e o efetuar segundo Sua vontade a menos que crucifiquemos o eu, com as afeições e paixões a cada passo. Se tentarmos atuar a nosso modo, falharemos miseravelmente. […] Temos uma grande obra a fazer e se formos coobreiros de Deus, os anjos ministradores cooperarão conosco. […] Portanto, de viva fé lancemos mão desse grandioso poder, orando e crendo, confiando e trabalhando. Então Deus fará aquilo que somente Ele pode fazer. […]

O eu é a coisa mais difícil a ser controlada. Ao depormos as cargas, não nos esqueçamos de depor o eu aos pés de Cristo. Entregue-se a Jesus para ser moldado e modelado por Ele a fim de ser feito vaso para honra. Suas tentações, ideias e sentimentos devem ser todos depositados ao pé da cruz. Então a pessoa estará pronta para ouvir palavras de divina instrução. Jesus dará a você a água que flui do rio de Deus. Sob a influência moderadora de Seu

Espírito sua frieza e indiferença desaparecerão. […]

Permita que o poder santificador da verdade seja expresso em sua vida e revelado em seu caráter. Que Cristo modele você, assim como o barro é moldado nas mãos do oleiro! (Carta 57, 1887).

Ellen G. White, 23/7/1983

Nenhum comentário:

Duas Listas

  MEDITAÇÃO DIÁRIA 5 de agosto, quinta Duas Listas Porque os que se inclinam para a carne cogitam das coisas da carne; mas os que se inclina...