sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021

Teremos um novo nome

 MEDITAÇÃO DIÁRIA

Sexta-feira, 19 de fevereiro

Teremos um novo nome

Serás chamada por um nome novo, que a boca do Senhor designará. Isaías 62:2

Um velho mineiro viveu de modo irresponsável por 30 anos. Bebia, jogava e negava a Deus. Chegou, porém, o dia em que se deu conta de sua degenerada condição e clamou por socorro. Queria proceder de modo diferente e entregou o coração ao Senhor. Chamava-se Zike. Porém, no dia em que se tornou cristão, pediu para ser chamado de Mateus, em referência ao publicano que se tornou discípulo de Jesus. Então a partir de seu batismo passou a ser Mateus.

Na mesma proporção em que Zike tinha sido um ébrio rude, Mateus foi brando e bondoso. Estava tão contente e feliz em seu novo amor para com Cristo! Um dia, um de seus camaradas de bar lhe perguntou: “Mateus, como pode você dizer com certeza que Deus existe?” Mateus ficou em silêncio por um instante, com o rosto bronzeado entre as mãos, os olhos cinzentos em profunda reflexão. Depois, olhou direito para o amigo e lhe disse: “Bem, eu lhe digo. Tudo quanto eu sei é que, de repente, o uísque se tornou em pão e manteiga para minha família, e um monte de lixo se transformou em alegria.”

Isso não era bem uma resposta do ponto de vista teológico, mas retrata a história de uma conversão exatamente como é.

Saulo se tornou Paulo, e Simão passou a ser Pedro. A mudança em seus nomes foi apenas símbolo da mudança que ocorrera no coração deles. Foi uma mudança miraculosa.

A maior prova da existência de Deus e do poder da Bíblia é uma vida convertida. O milagre da transformação do caráter é uma prova mais valiosa da existência de Deus do que todas as fórmulas e sistemas teológicos do mundo.

Confie em Cristo quanto à realização de uma mudança em sua natureza. Ele prometeu fazer isso. “Então, ensinarei aos transgressores os Teus caminhos, e os pecadores se converterão a Ti” (Sl 51:13).

Você e eu seremos “chamados por um novo nome” e haverá regozijo no Céu sobre nosso novo nome. Da mesma forma que Deus transformou Pedro, que havia negado a Cristo, e Paulo, que havia sido perseguidor de Cristo, e os tornou escravos do amor de Deus, assim deixaremos nossos velhos caminhos e a velha natureza e nos tornaremos discípulos do Filho de Deus. Isso ocorrerá se tão somente aceitarmos Seu poder para mudar nossa natureza!

Walter Raymond Beach, 24/10/1961

Nenhum comentário:

CORAÇÕES NOVOS

  MEDITAÇÃO DIÁRIA Terça-feira, 2° de março CORAÇÕES NOVOS Dar-vos-ei coração novo e porei dentro de vós espírito novo; tirarei de vós o cor...