Translate

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Amizade com Amigos de Cristo

A Fé Pela Qual Eu Vivo
16 de agosto 
Amizade com Amigos de Cristo

Companheiro sou de todos os que te Temem e dos que guardam os Teus preceitos. Sal. 119:63.

É natural buscar companheirismo. Todos encontrarão companheiros ou os farão. E exatamente na medida da força da amizade, será o grau de influência exercida pelos amigos uns nos outros, para bem ou para mal. Testemunhos Seletos, vol. 1, pág. 585.

Os jovens que se votam ao convívio um do outro, podem tornar o mesmo uma bênção ou maldição. Podem edificar, fortalecer, beneficiar um ao outro, aperfeiçoando-se na conduta, na disposição, no conhecimento; ou, permitindo-se atitudes descuidadas e infiéis, exercer unicamente uma influência desmoralizadora. Mensagens aos Jovens, págs. 454 e 455.

É levando os seguidores de Cristo a associar-se com os ímpios e unir-se às suas diversões que Satanás é mais bem-sucedido ao induzi-los ao pecado. … Os seguidores de Cristo devem separar-se dos pecadores, procurando sua companhia apenas quando há oportunidade de fazer-lhes bem. Nunca seríamos demasiado decididos em evitar a companhia daqueles que exercem influência para desviar-nos de Deus. Ao mesmo tempo em que oramos: “Não nos deixes cair em tentação” (Mat. 6:13), devemos excluir a tentação tanto quanto possível. Patriarcas e Profetas, págs. 458 e 459.

Pela escolha de maus companheiros, muitos têm sido passo a passo desviados do caminho da virtude aos abismos da desobediência e do desregramento em que, outrora, haveriam julgado impossível imergir. Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes, pág. 224.

Podemos recusar ser corrompidos, colocando-nos onde as más companhias não pervertam nosso coração. Individualmente devem os jovens procurar unir-se aos que, com passos seguros, estejam trabalhando em direção ascendente. Mensagens aos Jovens, pág. 423.

Melhor do que a companhia do mundo é a dos redimidos de Cristo. Parábolas de Jesus, pág. 374.

O calor da verdadeira amizade, o amor que liga coração a coração, é um antegozo das alegrias do Céu. A Ciência do Bom Viver, pág. 360.

Meditação Matinal de Ellen White – A Fé Pela Qual Eu Vivo, 1959– Pág. 234
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis