Translate

quarta-feira, 11 de julho de 2018

Deus nos Trata Como Tratamos aos Outros

Refletindo a Cristo

Deus nos Trata Como Tratamos aos Outros-11 de julho

Delas e dos lugares ao redor do Meu outeiro, Eu farei bênção; farei descer a chuva a seu tempo, serão chuvas de bênçãos. Ezeq. 34:26.

Cada pessoa que tem de lidar com outros deve tomar interesse pelos problemas deles, pois da maneira como tratamos aos outros Deus nos tratará. Estamos fazendo a Cristo o que fazemos aos Seus filhos, pois Ele é representado na pessoa dos Seus santos. A verdade de Deus precisa santificar a vida, refinar e elevar o caráter, e precisamos adquirir o modelo celestial a fim de estarmos aptos para as cortes superiores.

Muitos ocupam lugares nos quais têm oportunidade de entrar em contato com os que crêem na verdade presente, e com os que não crêem, e quão importante é que todas as luzes menores estejam espevitadas e ardendo, para que todos possam receber raios de luz das lâmpadas dos que professam ser seguidores de Cristo. …

Tendes vós, os que solicitastes auxílio, deixado vossa luz brilhar junto aos vossos trabalhadores, para que também eles possam ser colaboradores de Deus? Deus vos tem dado preciosos privilégios e vantagens ao enviar-vos a luz da Sua verdade, e deveis desenvolver tais bênçãos e permitir que outros partilhem de vossos favores. Que imensos campos missionários há ao redor de vossos lares, e quantas oportunidades diárias de falardes sobre o valor das promessas divinas. … O Senhor diz, através do profeta Ezequiel: “Delas e dos lugares ao redor do Meu outeiro, Eu farei bênção”. Ezeq.34:26. Signs of the Times, 3 de fevereiro de 1890.

Há uma obra que cada cristão deve fazer junto às suas portas, em sua própria vizinhança. Mas quantos perdem de vista os interesses eternos e são completamente tragados por seus afazeres temporais. Não há necessidade disso, pois Jesus diz: “Buscai, pois, em primeiro lugar, o Seu reino e a Sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” Mat. 6:33.

Torne seu bem-estar eterno e o do seu vizinho sua primeira e mais importante preocupação. Vossos vizinhos são pessoas a serem salvas ou a se perderem, e Deus espera que aqueles a quem Ele repartiu luz, façam decididos e interessados esforços em favor de outros. Eles precisam se lembrar das santas exigências da verdade em toda e qualquer atividade da vida. Que os crentes e descrentes vejam na vida dos que afirmam ter conhecimento de importantes verdades, uma forte, clara e constante luz que brilha de zelo, de devoção, de nobreza de caráter em seu relacionamento com os homens. Então o Senhor será generoso convosco, Seus servos. …

Suponde que ao deixardes vossa luz brilhar, e através de vossa dedicação à causa de Deus, outros sejam levados a consagrar-se ao Seu serviço, e se tornem uma bênção a outros mais que não poderíeis alcançar por meio de vossa influência pessoal. O Senhor diz: “Delas e dos lugares ao redor do Meu outeiro, Eu farei bênção.” Ezeq. 34:26. Vossa luz deve ter longo alcance. Signs of the Times, 10 de fevereiro de 1890.


Meditação Matinal de Ellen White – Refletindo a Cristo, 1986. – Pág. 198 –
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis