Translate

sábado, 26 de maio de 2018

Desfrutando os Reais Prazeres da Vida


Refletindo a Cristo

Desfrutando os Reais Prazeres da Vida


Espera em Deus, pois ainda O louvarei, a Ele, meu auxílio e Deus meu. Sal. 42:11.
O sábio diz que os caminhos da sabedoria “são caminhos deliciosos, e todas as suas veredas, paz”. Prov. 3:17. Muitos alimentam a idéia de que a dedicação a Deus é prejudicial à saúde e à alegria nos relacionamentos sociais da vida. Mas os que palmilham a senda da sabedoria e da santidade notam que “a piedade para tudo é proveitosa, porque tem a promessa da vida que agora é e da que há de ser”. I Tim. 4:8. Eles têm animação para desfrutar os reais prazeres da vida, mas não se sentem incomodados por pesares inúteis causados por horas desperdiçadas, nem por depressão mental, como os mundanos geralmente experimentam quando não se divertem com alguma coisa estimulante.
É verdade que há muitos professos cristãos que têm imaginação doentia, e não representam corretamente a religião bíblica. Estão sempre caminhando sob uma nuvem. Parecem pensar ser uma virtude reclamar de espírito deprimido, grandes provações, e severos conflitos. Este procedimento não está de acordo com as palavras do Salvador: “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos Céus.” Mat. 5:16. Todos têm o dever de andar na luz e cultivar habitualmente a jovialidade, para que possam refletir luz e não melancolia e trevas.
A piedade não se choca com as leis de saúde; ao contrário, está em harmonia com as mesmas. Se os homens tivessem sempre obedecido à lei dos Dez Mandamentos, se tivessem praticado em sua vida os princípios destes dez preceitos, a maldição da doença que agora infesta o mundo, não existiria. Os homens podem ensinar que os divertimentos fúteis são necessários para manter a mente livre de desânimo. A mente pode, na verdade, ficar assim entretida por algum tempo; mas depois que a agitação passa, vem a calma reflexão. A consciência desperta e sua voz se faz ouvir dizendo: “Esta não é a maneira de obter saúde ou verdadeira felicidade.”
Há muitos divertimentos que estimulam a mente, mas a depressão seguramente se seguirá. Outras formas de recreação são inocentes e saudáveis; mas o trabalho útil que proporciona exercício físico, muitas vezes exerce uma influência mais benéfica sobre a mente, e ao mesmo tempo fortalece os músculos, melhora a circulação, e se prova um poderoso agente na recuperação da saúde.
“Quem é o homem que ama a vida e quer longevidade para ver o bem? … Clamam os justos, e o Senhor os escuta e os livra de todas as suas tribulações.” Sal. 34:12 e 17. Signs of the Times, 23 de outubro de 1884.
Meditação Matinal de Ellen White – Refletindo a Cristo, 1986 -26 de maio – Pág. 152 – 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis